Apesar do salário atrasado, zagueiro promete honrar camisa do Treze contra o Jacuipense

"O salário está atrasado, mas está para quase todos no futebol", disse

A delegação do Treze já desembarcou em Salvador desde sexta-feira, e neste sábado, às 15h00, finaliza os preparativos no centro de treinamento do Esporte Clube Vitória para enfrentar o Esporte Clube Jacuipense, em autêntico duelo de SEIS pontos na luta contra o rebaixamento. O time paraibano ocupa atualmente a penúltima colocação do Grupo A da Série C do Brasileiro, com 17 pontos, e está dentro da zona rebaixamento. O primeiro time fora da degola é o Jacuipense, oitavo colocado tem 18 pontos, portanto, o jogo se transformou numa batalha para escapar do Z2. O Botafogo-PB também da Paraíba com 18 pontos que enfrenta Remo dentro de casa é outro que não garantiu a participação na divisão no próximo ano faltando apenas três rodadas para a conclusão da fase de grupo.

 

Para complicar o quadro, os jogadores estão com salários atrasados. Apesar disso, o clube não tem convivido com protestos para reivindicar melhorias nessa situação. Para Ítalo, em entrevista ao GE, o elenco tem que continuar concentrado apenas em vencer as partidas que restam na Série C do Brasileiro. O zagueiro disse que o espírito alvinegro deve ser de superação e que as dificuldades têm que ser esquecidas por eles neste momento.

Falei com os meninos ontem que vamos passar por cima dessa dificuldade. O salário está atrasado, mas está para quase todos no futebol. Vamos neste momento esquecer isso, pois já estamos no fim do campeonato, então vamos honrar a camisa, esquecer a dificuldade do dia a dia, esquecer o extracampo, o PV, que neste momento que não está bom para treinamento, as bolas, que não estão adequadas, as condições, que não estão sendo adequadas para um atleta profissional. Mas chegou o momento de passar por cima de tudo isso – pediu o zagueiro trezeano.

– Todos estamos cientes da importância deste jogo. É um jogo no qual podemos dar um passo muito importante para nossa permanência (do time na Série C). Sabemos que vai ser um jogo difícil, respeitamos muito o adversário lá. Eles têm muitos jogadores qualificados, um elenco com jogadores bastante experientes, mas a gente não pode ir para lá com outro pensamento que não seja a vitória e somar pontos – afirmou o defensor do Galo.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*