Alecsandro e mais três jogadores são dispensados pelo CSA

Alecsandro surgiu para o futebol vestindo a camisa do Vitória

O CSA oficializou a dispensa de quatro jogadores. Um deles, o experiente atacante Alecsandro, revelado pelo Vitória e com passagens por Vasco, Palmeiras, Internacional, entre outros. O centroavante postou mensagem de despedida nas redes sociais. Rescindiram o contrato também os atletas Gustavo Schutz, Bruno José e Netto. A decisão pela saída dos jogadores teve influência do gerente de futebol Rodrigo Pastana e do técnico Mozart, que não contava com o quarteto para a sequência da temporada.

 

“Saio por onde entrei como foi em todos os clubes, pela porta da frente e com a cabeça erguida. Sei que dei o meu melhor!! Queria agradecer a todos do CSA aos atletas ,Diretoria ,Comissão ,Torcedores e principalmente os Funcionários do dia dia do clube a esses um obrigado especial hoje encerra meu ciclo no CSA e vamos agora aguardar qual será o novo clube e o novo desafio… fica aqui o meu muito obrigado e saiu hoje do CSA mais fica agora e para sempre no meu sangue o azulão.”, postou Alecsandro nas redes sociais.

Alecsandro foi contratado pelo CSA em 2019. Era um dos homens de confiança do técnico Argel Fuchs no Brasileirão. O centroavante se machucou em novembro, renovou contrato no fim do ano passado e acertou a rescisão na última quarta. Disputou 29 partidas pelo time alagoano e marcou três gols. O último foi em março, pela Copa do Nordeste, contra o Freipaulistano.

Natural de Bauru (SP), Alecsandro é filho do ex-jogador Lela e irmão do volante Richarlyson. O centroavante começou na base do Vitória e após deixar o Leão rodou por Sport, Ponte Preta, Cruzeiro, Sporting-POR, Al Wahda dos Emirados, Internacional, Vasco, Atlético-MG, Flamengo, Palmeiras e Coritiba. Passou também pelo São Bento de Sorocaba antes de chegar ao CSA. Pelo Vitória, Alecgol foi campeão da Copa do Nordeste em 2003, além de ter conquistado dois títulos baianos (2002/2003). Na carreira, levantou taças importantes, como duas Libertadores por Inter e Atlético-MG, além de um Brasileiro pelo Palmeiras em 2016.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*