Atacante com passagem pelo Vitória não chega a acordo e deixa o Guarani

Baiano de Salvador, Júnior Todinho teve passagem apagada pelo Leão

Foto: David Oliveira/Guarani FC

Com passagens por Serrano, Vitória da Conquista e Esporte Clube Vitória, o atacante Júnior Todinho não chegou a um acordo para uma renovação de contrato e está de saída do Guarani. Vice-artilheiro do Campeonato Paulista, com seis gols, o jogador tinha contrato até 30 de abril e vinha conversando com o Bugre para acertar uma permanência, porém, a negociação chegou ao fim na tarde desta quarta-feira e ele está livre para procurar outro clube. É o terceiro jogador que deixa o Bugre nesta semana. Thallyson, que trocou um novo vínculo com o clube por uma proposta do Azerbaijão, e Juninho, devolvido ao Sport para uma “readequação financeira” diante das dificuldades impostas pela pandemia, puxaram a filha na segunda-feira.

 

Após defender o Cuiabá em 2019, Júnior Todinho se transformou em um dos destaques da boa campanha bugrina no estadual. O desempenho individual, com seis gols, chamou a atenção de outros clubes e deixou o atacante valorizado no mercado. Todinho está empatado com Willian, do Palmeiras, na vice-artilharia, atrás apenas de Ytalo, do Bragantino, com sete. A permanência dele era uma das prioridades da diretoria alviverde, mas as pendências financeiras e a falta de garantias atrapalharam as conversas. O Guarani ainda deve salários atrasados para parte do elenco.

Natural de Salvador, Geremias Ribeiro Júnior, mais conhecido como Júnior Todinho, surgiu no Serrano-BA e teve uma rápida passagem pelo Grapiúna antes de desembarcar no Vitória da Conquista, em 2016. Ao todo, foram 22 jogos pelo Bode e 8 gols marcados, tendo grande destaque no Campeonato Baiano de 2017, chamando a atenção do Esporte Clube Vitória que apostou no jogador. Porém, Todinho não vingou no Leão e teve poucas oportunidades (apenas 8 partidas entre 2017 e 2018). Uma lesão atrapalhou os planos do atleta no Rubro-Negro. Em 2018, ele disputou 11 partidas pelo time de aspirantes e anotou 5 gols, se transferindo para o Cuiabá em 2019, onde atuou 36 vezes e balançou as redes em 8 oportunidades. Em 2020, foi contratado pelo Guarani para disputa do Paulistão e vinha se destacando antes da paralisação, com 6 gols em 9 jogos.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*