CBF permitirá 5 substituições por jogo; Conmebol surpresa com medida

Entidade adotará nova regra da FIFA; Conmebol ainda vai avaliar

Na última sexta-feira, a FIFA autorizou que campeonatos iniciados ou que ainda vão começar em 2020 implementem uma regra de cinco substituições por equipe a cada partida. A International Board (IFAB) deu seu aval para a mudança temporária, que será válida para competições que cheguem ao fim até dezembro deste ano. Porém, os organizadores dos torneio vão decidir adotá-la ou não. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) já tomou a decisão e afirmou que vai implementar as cinco substituições por partida nas competições oficiais de 2020.

 

A alteração autorizada pela IFAB será uma emenda às Regras do Jogo e tem como objetivo, segundo a Fifa, “proteger o bem-estar dos jogadores”. A entidade máxima do futebol mundial propôs a mudança preocupada com o impacto que a paralisação do futebol mundo afora possa ter na preparação física dos atletas. Mais substituições permitiriam uma melhor gestão do desgaste dos atletas.

CONMEBOL SURPRESA

O presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), o paraguaio Alejandro Dominguez, publicou em seu perfil particular no Twitter que recebeu “com surpresa essa medida”. Segundo o dirigente da entidade sul-americana, diante da decisão da Fifa, a Conmebol “convocará um painel de especialistas para analisar e apresentar suas conclusões ao Conselho [da Conmebol], que decidirá sobre a conveniência de adotar [a regra das cinco substituições] nos torneios da América do Sul”.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*