Ex-lateral do Vitória cobra R$ 1,5 milhão do Fluminense na Justiça

Lucas vestiu a camisa do Fluminense em 2017

Com passagem pelo Esporte Clube Vitória no ano de 2018 e atualmente defendendo o Figueirense, o lateral-direito Lucas é mais um jogador a entrar na Justiça contra o Fluminense. O atleta, que esteve nas Laranjeiras em 2017, cobra R$ 1.574.385,38 de 13º salário, férias, direitos de imagem, não recolhimento de FGTS, entre outros itens, além de multas. O processo foi movido em dezembro no Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, e uma audiência entre clube, jogador e seu advogado, Luiz Gustavo de Menezes Ribeiro, estava marcada para o dia 25 de março. Porém, devido à pandemia do coronavírus, que diminuiu o expediente jurídico pelo país, a sessão foi retirada de pauta e adiada por tempo indeterminado. A informação é do site Globoesporte.

 

Lucas cobra do Fluminense: R$ 538.666,67 referente a cinco meses de direitos de imagem (de setembro a janeiro de 2017), 13º salário e férias; R$ 130.666,67 pelo não pagamento das férias até dois dias antes de começar o período de descanso, sob pena de ser devido o pagamento em dobro, incluído o terço constitucional; R$ 104.533,33 de não recolhimento de FGTS, acrescido dos juros e correções; R$ 228.164,10 referente a pagamento de descansos semanais remunerados não usufruídos e por feriados trabalhados; R$ 98.000,00 de multa pelo não pagamento das verbas rescisórias no prazo legal; R$ 269.000,00 de multa pelo não pagamento das verbas incontroversas (sobre 13º salário, férias e imagem); R$ 205.354,61 pelo pagamento de 15% dos honorários sucumbenciais.

Lucas foi o antecessor de Gilberto no Fluminense e chegou às Laranjeiras em janeiro de 2017, emprestado pelo Palmeiras por um ano. Pedido pelo técnico Abel Braga, o jogador foi titular da lateral direita tricolor durante grande parte da temporada, tendo disputado 56 partidas e marcado três gols. Porém, com o clube em grave crise financeira na época, ele não teve o contrato renovado.

Natural de Passos (MG), Lucas Rios Marques surgiu nas divisões de base do Figueirense onde se profissionalizou, porém, ganhou notoriedade vestindo a camisa do Botafogo, onde atuou de 2011 até 2014. Em 2015, acertou com o Palmeiras e fez parte do time campeão da Copa do Brasil de 2015, mas sua passagem pelo Verdão foi rápida e nos anos seguintes foi emprestado a Cruzeiro, Fluminense, Vitória e Botafogo-SP. Esse ano, defende o Figueirense e até o momento entrou em campo 11 vezes. Pelo Leão, foram 21 jogos e um gol marcado na temporada 2018.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*