Tiago Baiano quer Vitória da Conquista focado para quebrar tabu contra o Bahia

"Se Deus quiser, vamos em busca do triunfo", disse.

Foto: Luciana Flores

Após estrear empatando em 2 a 2 com o Jacuipense, no Estádio Lomanto Júnior, o Vitória da Conquista enfrenta o Esporte Clube Bahia neste domingo (26), às 16h, no Estádio Metropolitano de Pituaçu. Apesar de não ser o time principal de Roger Machado e sim a equipe de transição comandada por Dado Cavalcanti, o lateral-direito Tiago Baiano em entrevista ao site Futebol Bahiano pregou respeito ao adversário, mas garantiu que o ECPP vai entrar em campo ligado para impor o seu ritmo de jogo e buscar a vitória para quebrar o tabu de nunca ter vencido o Bahia em Salvador. Em 2019, Tiago defendeu o Bode no Baianão chegando na semifinal e em seguida se transferiu para o Jacuipense onde fez parte do time que conquistou o acesso inédito à Série C. Terminou o ano sendo campeão da Copa Baiana com o Fluminense de Feira.

 

“Contra o Bahia, as expectativas são as melhores possíveis. Trabalhamos hoje (sábado) e vimos alguns detalhes do jogo deles contra a Juazeirense. Então, estamos muito espertos, o professor Elias conversou com a gente também bastante e praticou o jogo que ele quer dentro de campo contra o Bahia. Então vamos chegar para quebrar esse tabu de nunca ter vencido o Bahia dentro da sua casa. Se Deus quiser, vamos em busca do triunfo, independente de que seja contra a equipe sub-23, são jogadores de qualidade, não podemos desmerecer. Vamos lá dentro e buscar a vitória que nos interessa.”, disse, em entrevista ao site Futebol Bahiano.

Tiago Baiano também fez uma avaliação da estreia do ECPP: “Foi uma estreia boa, um jogo bem truncado para ambas as partas, bem estudado, bem difícil, com toque de bola. Conseguimos impor nosso ritmo de jogo, mas no finalzinho do segundo tempo cansamos. Fizemos dois gols no adversário e tomamos dois gols. Mas foi uma estreia que serviu de aprendizado e estamos agora focados no jogo contra o Bahia e vamos impor nosso ritmo de jogo em busca da melhor partida possível, que a torcida e o treinador esperam, para somar os pontos que a gente precisa na competição”, afirmou.

Ouça a entrevista completa:

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*