Tite promove cinco mudanças no Brasil para pegar a Coreia do Sul

Brasil não vence há cinco jogos e vem de derrota para Argentina

Foto: @Lucasfigfoto

Ainda sem vencer após o título da Copa América (cinco tropeços seguidos) e vindo de uma derrota para a Argentina por 1 a 0, a Seleção Brasileira fará nesta terça-feira o último jogo de 2019, em amistoso contra a Coreia do Sul, às 10h30, em Abu Dhabi. O técnico Tite comandou o último treino antes da partida e vai promover mudanças no time titular. Serão cinco alterações. Campeão da Liga dos Campeões com o Liverpool, o volante Fabinho assume o lugar de Casemiro. Outra novidade será a entrada do lateral-esquerdo Renan Lodi, ex-Athletico-PR e hoje no Atlético de Madrid, na vaga de Alex Sandro, que sofreu uma lesão muscular e foi vetado pelo DM.

 

Na zaga, Thiago Silva dá lugar a Marquinhos, enquanto no ataque, Philippe Coutinho e Richarlison entram nos lugares de Willian e Roberto Firmino. O treinador Tite também fez mudanças nas posições dos jogadores. Éder Militão foi deslocado da direita para a esquerda em relação à derrota para a Argentina. No meio, à frente de Fabinho, Arthur joga pela esquerda e Paquetá vai atuar pela direita. No ataque, Coutinho entra na esquerda, Jesus permanece na direita e Richarlison fará a função de Firmino.

O Brasil deve entrar em campo com: Alisson; Danilo, Marquinhos, Militão e Renan Lodi; Fabinho, Arthur e Lucas Paquetá; Gabriel Jesus, Coutinho e Richarlison.

 

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*