Caicedo fala sobre reserva com Amadeu e revela conversa com Geninho

"Espero jogar amanhã (terça-feira). Vou seguir trabalhando.", disse

Foto: Rafael Santana

Principal contratação do Esporte Clube Vitória em 2019, o atacante Jordy Caicedo até teve um bom início, mas ainda não deslanchou no time rubro-negro e vinha sendo reserva com Carlos Amadeu, demitido recentemente. Nesta segunda-feira, véspera da partida contra o Atlético-GO, às 21h30, na Arena Fonte Nova, pela 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o equatoriano concedeu entrevista coletiva e explicou que não vinha sendo titular devido ao estilo de jogo do antigo técnico. Agora com Geninho, o jogador espera retomar a titularidade e começar jogando contra o time goiano nesta terça-feira. Ele revelou ter tido uma conversa com o novo comandante.

 

“Desde a minha chegada, estou trabalhando da melhor maneira para dar o melhor de mim ao Vitória, clube que apostou em mim. Estou agradecido à torcida, aos dirigentes. Mas creio que perdi espaço com o técnico anterior, pelo modo de jogo dele. Penso que treino sempre da melhor maneira, mas, se o técnico escolhe por mim ou não, é uma opção dele. Eu sempre dou o melhor de mim. Como jogador, sempre fico incomodado se não jogo. Se jogo, dou o melhor de mim para seguir atuando nos próximos jogos. Toda minha carreira fiz de nove [centroavante]. No Equador, fiz o nove em todos os times em que joguei. Mas algumas vezes joguei por fora. Não é minha melhor posição. Mas, sempre que pedem que eu jogue por fora, tento fazer da melhor maneira. Como jogador, tenho que me adaptar ao sistema de jogo que o técnico quer”

“Desde que Amadeu estava aqui e após sua partida, estou trabalhando muito forte. Chegou um novo treinador, e estou trabalhando de maneira igual. Um pouco mais forte para ganhar espaço entre os 11 titulares, nos 11 que começam, mas aguardo a decisão dele [Geninho]. Penso que é um bom treinador, pelo que me falaram dele. Agora quero demonstrar tudo em campo. Geninho conversou comigo, falamos um pouquinho. Mas ele não disse os jogadores que vão ou que não vão. Estou trabalhando da melhor maneira. Espero jogar amanhã. Vou seguir trabalhando.”

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*