Vitória encerra nesta segunda a preparação para enfrentar o Cuiabá

Leão joga na terça-feira (9), às 19h15, no Barradão

Foto: ASCOM / Vitória

O Esporte Clube Vitória fará nesta segunda-feira (08) sua última atividade e encerrará a preparação para o confronto contra o Cuiabá, marcado para terça-feira (9), às 19h15, no Estádio Manoel Barradas, válido pela nona rodada da Série B. Na treino do último domingo, o atacante Wesley cumpriu mais uma etapa da fase de transição. Já Léo Gomes, recuperado de um problema na panturrilha, treinou normalmente. Com quatro pontos, o Leão ocupa a lanterna da competição enquanto o Cuiabá tem oito e aparece em 15º. Na reta final da intertemporada, o preparador físico Ednilson Sena, que voltou ao clube com a chegada do presidente Paulo Carneiro, fez uma avaliação positiva da preparação do time.

 

“Foi importante para a gente colocar a nossa metodologia de trabalho, o que o treinador pensava, melhorar a performance, a intensidade de alguns atletas e fazer algumas avaliações. A parada foi bastante benéfica para que pudéssemos ter uma melhora significativa em todos os setores”, afirma.

Na parte física, de acordo com Ednilson, o grupo avançou bastante e a tendência é melhorar com os jogos. “Nada do que eu treine aqui chega à realidade do jogo. É muito importante melhorar a forma física individualmente de cada jogador, mas ele só consegue melhores índices físicos com os jogos. Foi por isso que fizemos dois amistosos e a partir dos jogos com Cuiabá e Criciúma, a gente vai ter uma equipe mais coesa, mais solta em campo. Com o trabalho físico, alguns atletas ficam travados e nada mais do que o jogo propriamente dito para que eles possam ganhar o ritmo necessário”.

Ednilson Sena falou sobre os atletas que estavam acima do peso e conseguiram na intertemporada alcançar uma perda significativa. “A gente passou para eles que atletas de alta performance têm que estar em todos os níveis físicos com excelência e conversamos com cada um. Eles compraram essa ideia e estão de parabéns. Não adianta eu colocar os trabalhos físicos e esses atletas não terem a dedicação e fazer por onde. Não faltou dedicação e teve uma melhoria não somente esses atletas, mas no geral”.

Ednilson acredita que o time será mais determinado, coeso e melhor fisicamente para que possa desempenhar as funções que o treinador Osmar Loss exige. “O Vitória trouxe um treinador que tem uma filosofia que trabalha muito intenso e com bastante qualidade e dinâmica”, ressalta.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*