Focado no G-4: Bahia pode vencer o Internacional, sim senhor!

Bahia vem abandonando pouco a pouco aquele enredo do passado

O Esporte Clube Bahia longe de casa realiza nesta quarta-feira, jogando no Estádio Beira-Rio contra o Internacional de Porto Alegre, seu último jogo no Campeonato Brasileiro, antes do recesso para a realização da Copa América. Depois disso, voltará a campo apenas em julho em uma sequência de dois jogos na Arena Fonte Nova enfrentando Santos e Cruzeiro, portanto, obtendo um triunfo hoje à noite contra um adversário que ainda não perdeu em casa, reforçará em dose cavalar a confiança no torcedor tricolor, além é claro, de um avanço na tabela de pontuação que pode lhe conduzir para a lista dos quatro primeiros colocados, e o melhor, não por acaso, não por uma bola achada, algum resultado esquisito e sim, por obra e fruto de uma campanha segura e possível se ser sustentada no decorrer da competição, que é longa e, sobretudo dura, notadamente para os clubes de menor alcance financeiro onde se enquadra o tricolor de aço e os demais clubes da nossa região.

 

O adversário vem de quatro vitórias em quatro partidas dentro de casa, justamente como se porta o próprio Bahia na Arena Fonte Nova. O Esquadrão, por sua vez, ainda não conseguiu vencer fora de Salvador na competição, MAS Internacional também não, ainda assim, talvez pelo ranço do passado, a imprensa gaúcha acredita que qualquer resultado que não seja uma vitória colorada, hoje à noite, no Beira-Rio, significará uma reversão de expectativa, talvez não saibam que em tempos atuais, o tricolor de aço vem abandonando pouco a pouco aquele enredo do passado onde a derrota era certa, restando apenas saber a dimensão do prejuízo. Hoje a própria tabela de pontuação afiança a afirmação e reitera a renovada fé do torcedor tricolor.

As duas equipes brigam pelas mesmas posições na tabela de classificação do Brasileirão. O Internacional, após perder para o Vasco da Gama na sexta-feira passada por 2 a 1, caiu para o sétimo lugar, com 13 pontos. O Bahia tem um ponto a mais e está em sexto. O tricolor de Roger Machado empatou com o Ceará no final de semana. Quem vencer, portanto, se aproxima da ponta de cima da tabela, sendo que o Bahia pode entrar no G4 se contar com resultados de interesse dos concorrentes acima da tabela.

Quem perder, vai para o recesso da Copa América longe do G-4, porém, empate deve ser visto como excelente resultado independente da posição onde possa ser alojar, sendo que uma indesejada derrota não pode ou irá abalar a fé do torcedor tricolor em uma campanha superior a realizada no passado que é a meta base da direção do clube e da torcida tricolor

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*