Técnico Lisca já projeta “decisão” contra o Bahia na próxima quarta-feira

Bahia e Ceará fazem o clássico nordestino na Fonte Nova

O Ceará segue resistindo e se agarrando em todas as suas forças para sobreviver no Brasileiro da Série A. Inicialmente apontado como CABEÇA de chave de qualquer lista de provável rebaixamento, o time nordestino começou mal, permaneceu mal, no entanto, a partir da chegada do técnico Lisca ganhou um prumo e hoje ocupa a décima quarta posição com 38 pontos, três acima do Vitória, listado com o primeiro dentro do G4 com a mesma quantidade de triunfo, portanto, ainda ameaçado.

Hoje à tarde, o Ceará não confirmou o bom desempenho dentro de casa e apenas empatou em 1 x 1 contra o Internacional, que mesmo sendo vice-líder da competição não deixou de ser um atraso nas pretensões do clube em avançar na tabela de pontuação.

Destaque para o publico no Castelão, 42 mil torcedores estiveram presentes prestigiando o time da casa.



Na próxima quarta-feira o Vovó encara o Bahia em jogo agendado para as 20h ( Salvador) na Arena Fonte Nova, em um jogo que a importância vai além dos próprios clubes envolvidos, o jogo tem enorme interresse do Esporte Clube Vitória e Sport-PE que se enfrentam no mesmo dia na Ilha do Retiro em Recife.

Após o empate contra o Internacional, o técnico Lisca logo tratou de comentar acerca do duelo contra o Bahia e já projetou que o duelo será uma decisão direta. Para o jogo, o Ceará pode ter o retorno do atacante Juninho Quixadá ausente do jogo de hoje por contusão.

“O Bahia é uma equipe muito forte e como exemplo posso citar a vitória deles sobre o Atlético-PR, fora de casa. Será uma decisão. Vi que empataram hoje com Vitória, mas não soube dos detalhes. Assim que sair daqui, começo a estudar nosso adversário”

Além de Nílton, Bahia deve perder lateral titular para enfrentar o Ceará

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*