Técnico do Atlético-PR vê duelo contra o Bahia difícil e quer levar decisão para o Paraná

Depois de reclamar do estado do gramado da Arena Fonte Nova hoje à tarde após fazer um breve reconhecimento, o Atlético paranaense encerrou os preparativos para enfrentar o Esporte Clube Bahia no Centro de treinamento do Esporte Clube Vitória e está pronto para o jogo.

Após o treino, técnico Tiago Nunes que ainda é tratado como interino concedeu entrevista ao site oficial dos paranaenses momento que afirmou que espera que os jogadores rubro-negros mantenham o desempenho das fases anteriores quando despachou Newell’s Old Boys [Argentina], Peñarol [Uruguai] e Caracas [Venezuela].

“Temos que tentar ser a mesma equipe que fomos até então. Uma equipe que tenta propor o jogo e buscar o gol. Com equilíbrio, tentar vencer”, disse o profissional atleticano “A característica de mata-mata deixa o jogo com mais emoção, detalhes e mais atenção. Esperamos um jogo muito difícil”, acrescentou.

Para chegar às quartas, o Bahia superou Blooming [Bolívia], Cerro [Uruguai] e Botafogo. O tricolor de aço vem de uma vitória fora de casa pelo Brasileirão diante do Botafogo, porém, neste jogo não contará com o atacante Gilberto (vetado) e lateral-esquerdo Léo que foi punido pela CONMEBOL por ter sido expulso no primeiro jogo das oitavas de final contra o Botafogo.



“O Bahia vem muito bem, agora crescendo no Brasileiro. Venceu fora de casa. Fez por merecer chegar nesta etapa da competição, assim como nós. Então, temos que estar muito focados e entender que será um jogo muito difícil, que se inicia agora nestes 90 minutos e que se decide depois na Arena”, destacou Tiago Nunes que também comentou sobre o estado do gramado da Arena Fonte Nova

“Não podemos focar nisso. O gramado não está nas melhores condições. Mas também vai atrapalhar o adversário, que também tem qualidade. Temos que focar no nosso jogo, na nossa equipe e em desempenharmos o nosso melhor, independentemente das circunstâncias que vamos enfrentar”, afirmou o técnico interino atleticano, que também lembrou sobre o VAR. Será a primeira vez que a tecnologia será utilizada em uma partida do Rubro-Negro.

“O VAR é um a ferramenta auxiliar, que vem para auxiliar o árbitro e o futebol. A definição das ações que podem ser tomadas ainda passam diretamente pelo árbitro, que é um ser humano. Temos que dar pleno apoio à arbitragem”, concluiu Tiago Nunes.

Lateral do Bahia é punido pela Conmebol e também não enfrenta o Atlético-PR

Deixe seu comentário