Através de votação, torcedor vai escolher o novo escudo do Fluminense de Feira

Fluminense oferece quatro opções de escolha do novo escudo

Buscando uma identidade própria, o Fluminense de Feira em BOA HORA, fará uma enquete para seus torcedores escolherem o novo escudo do time, que se não é idêntico ao do time carioca, é bastante parecido. De acordo o site oficial, serão oferecida quatro opções que estão já estão à disposição para que se escolha melhor opção conforme votação dos torcedores. Quem quiser votar acessa o site do Fluminense

A ideia da modificação do escudo é do segundo secretário da mesa diretiva do Conselho Deliberativo, Antônio Pinheiro. “É claro que não podemos negar a ligação histórica que temos com o Fluminense do Rio de Janeiro, até porque os fundadores do Fluminense de Feira era torcedores do time carioca, porém, a questão do escudo sempre tem causado distorções e o objetivo é justamente acabar com isso porque mesmo sendo um clube homônimo, precisamos ter a nossa identidade própria”, explicou.

O conselheiro coloca as constantes confusões entre os escudos dos times como o principal motivo para a mudança no escudo do Touro do Sertão.



“Constantemente temos visto as TVs e jornais errando o escudo, colocando o do Fluminense do Rio como se fosse o nosso. Isso causa desgastes porque os torcedores reclamam, a assessoria tem que contornar esse erro que já vem de muito tempo”, disse Antônio Pinheiro.

“Posso aqui citar exemplos de clubes que passam por este tipo de problema, mas o mais conhecido é o do Atlético/PR que tinha um escudo parecido com o do Flamengo e foi modificado. Agora, o clube tem a sua identidade própria”, salientou.

Foram confeccionadas quatro opções de escudo e uma enquete foi lançada no site oficial para que se tenha uma noção de qual escudo tem a maior preferência. “Nós colocamos essa enquete para que a nossa torcida possa opinar. Vamos deixar no ar por alguns dias e depois faremos uma mensuração e com os dados em mãos discutiremos a melhor opção na assembleia”, informou Jayro Miranda, presidente do Conselho Deliberativo do Fluminense.

Deixe seu comentário