Meia-atacante do Bahia supera trio e é o líder de assistências da Série A 2018

Élber supera Luan (Grêmio), Dudu (Palmeiras) e Everton (São Paulo)

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Um dos jogadores mais contestados do elenco do Bahia pela torcida, porém, com bastante moral e titular com o técnico Enderson Moreira, o meia-atacante Élber se destaca como garçom no Campeonato Brasileiro 2018. Com 7 assistências em 20 jogos, o jogador supera o trio Luan (Grêmio), Dudu (Palmeiras) e Everton (São Paulo) que deram 6 passes para gol e estão no segundo lugar. Contra o Vasco, foi de Élber o passe para o gol de Gilberto.

Os números, não só ofensivos, como também defensivos, fazem com que Élber desbanque os seus concorrentes de posição, caso do meia Marco Antônio e do atacante Clayton. Recentemente, O treinador Enderson Moreira explicou a escolha pelo jogador alegando que “ele tem um perfil de maior contribuição defensiva”. Os números confirmam isso. Vejamos abaixo.

Foram 20 partidas disputadas por Élber no Campeonato Brasileiro: 14 como titular e seis como reserva. Segundo dados do Footstats, o jogador é o segundo com mais interceptações no elenco, com 6, perdendo apenas para Nino Paraíba, que já realizou sete. Nos desarmes, ele também se sai bem. Foram 23 em 20 jogos, sendo o 6º colocado do elenco com mais desarmes, média de 1.20 por jogo.

Por ser obrigado a marcar, ele acaba cometendo muitas (32 e média de 1.60 por jogo), ficando atrás apenas de Zé Rafael (com 78 e média de 2.30). Outro ponto negativo é os erros ofensivos, com a bola no pé. Ele é o terceiro jogador do Bahia que mais perdeu bolas para os adversários, com 76 perdas de posse, uma média de 3.80 por jogo. Só é superado Zé Rafael e Edigar Junio, com 175 (média de 7.60) e 82 (média de 5.10), respectivamente.



Bahia lança primeiros uniformes da marca ‘Esquadrão’ nesta quinta-feira

Deixe seu comentário

1 Trackback / Pingback

  1. The Root Collective

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*