Técnico Jorginho esbraveja pela postura anti-jogo do Bahia

O Bahia de fato jogou com o regulamento debaixo do baixo e até abusou daquilo que antigamente era tratado como CERA, jogadores caindo em demasia com o claro que não permitir que o jogo tivesse uma andamento normal, mas no final dos 90 minutos, amargou OUTRA derrota fora casa, reiterando assim sua eterna vocação de time domestico, mas não impôs prejuízo para a classificação para enfrentar o Palmeiras, onde as chances de avançar pelo que ESTAMOS JOGANDO beira a casa do zero, virgula zero.

Depois do jogo, o técnico Jorginho admitiu dificuldade na criação de jogadas e reclamou muito da postura do Bahia.



Uma coisa é jogar com o regulamento embaixo do braço, outra é demasiadamente fazendo cera, atrasando o jogo. O Anderson, goleiro, caiu pelo menos três vezes” disse ele.

“Foi um absurdo. Algo que precisa ser coibido, até mesmo por nós, treinadores. Temos que falar sobre isso. Atrapalhou demais. Tivemos mais dois minutos de acréscimo, mas não jogamos”

Deixe seu comentário