“Acho que faltou um pouco de concentração”, diz treinador do Vitória

Após o massacre de 5 a 2 do Santos sobre o Vitória, o técnico Vagner Mancini destacou que faltou concentração ao time no primeiro tempo onde entrou disperso e tomou gol cedo que acabou desestabilizando os jogadores, acredita o treinador. Mancini também elogiou o jovem Rodrygo autor de três gols e afirmou que o Leão vai buscar o triunfo sobre a Chapecoense no Barradão.

“O Vitória entrou dispenso em campo. Acho que faltou um pouco de concentração no primeiro tempo. Isso acabou sendo determinante para que o Santos abrisse o placar e fizesse dois gols em sequência. Isso acabou dando uma desestabilizada emocional na equipe, que acabou voltando bem melhor no segundo tempo, já mais perto do que o Vitória pode apresentar. A gente sabe que algumas peças que não jogaram hoje fizeram falta dentro do contexto e isso nós vamos ter que parar, respirar e quarta-feira, contra a Chapecoense, em casa, seja um time mais competitivo, mais forte e possa somar pontos importantes. Jovem de extremo talento, que tem feito a diferença no Santos. A gente idealizou uma marcação diferente para que essa bola não chegasse nele. Mas ela acabou chegando. E os gols em sequência acabaram dando a liberdade que ele queria no jogo. E sempre que você dá liberdade a um atleta de talento sofre na partida. E foi isso que aconteceu”, afirmou o treinador.



Com resultado, o Vitória segue parado em oito pontos e foi superado pelo próprio Santos, voltou para a zona de rebaixamento, agora na décima sétima posição, acima do Bahia, Ceará e Paraná, formando o trio de nordestino na zona da degola, aliás, justamente como era esperado.

Agora, o Leão arruma a sacola cheia de gols e com aspecto de cara de bola murcha retorna para Salvador e sem tempo para absolutamente nada, já que na segunda-feira inicia os preparativos para enfrentar a Chapecoense na próxima quarta-feira (6) agora no Estádio Manoel Barradas, em outro jogo valendo seis pontos.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*