Vasco apela para três meninos da base para enfrentar o Bahia na Fonte Nova

Em virtude de diversos desfalques, Vasco da Gama apelou para sua divisão da base para compor o elenco que enfrenta o Esporte Clube Bahia neste Domingo às 16h na Arena Fonte Nova em jogo de complemento da sétima rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Os atacantes Hugo Borges e Moresche e o zagueiro Miranda foram relacionados para a partida.

Todos fizeram uma grande temporada com a equipe sub-20, receberam um voto de confiança do técnico Zé Ricardo e prometem esforço para corresponder à altura e reafirmar o potencial da Fábrica de Craques de São Januário.



– A expectativa é a melhor possível. Essa é a terceira vez que sou relacionado para um jogo do profissional no ano, a primeira no Brasileiro. Estou trabalhando muito no sub-20, colocando todas as energias no meu foco principal. Se eu fizer minha parte lá, sei que chegar ao profissional será uma consequência. Essa presença no jogo do profissional traduz bastante o nosso momento no juniores. Tivemos muitas mudanças e mostramos muita vontade para ter a adaptação o mais rápido possível. Abraçamos a ideia do Marcos Valadares e temos feito boas campanhas. Queremos um título para coroar, mas estamos no caminho certo – afirmou o zagueiro Miranda.

No Vasco desde 2015, Matheus Moresche é meio-campo de origem. Porém, durante a disputa da Taça Rio, precisou ser improvisado com a camisa 9 e demonstrou muita qualidade. Os feitos o renderam presença na seleção do Campeonato Carioca sub-20, competição que o Cruzmaltino foi finalista. As boas atuações o credenciaram a viver sua primeira experiência no time profissional do Gigante. Ele comemora e fala sobre a adaptação ao novo modo de jogar.

– Agradeço ao Marcos Valadares, treinador do sub-20, por me dar essa oportunidade de vestir a camisa 9 no juniores. Ele me mostrou que um atleta pode atuar em diversas posições, inclusive como centroavante. Nunca pensei em atuar como centroavante, mas recebi essa função e me adaptei muito bem. É importante um jogador ser completo e poder ajudar no que foi preciso. Graças a Deus fiz o meu melhor e recebi essa oportunidade maravilhosa de estar relacionado para o jogo contra o Bahia – disse Moresche.

Identificado com a camisa do Vasco, esta é a segunda oportunidade de Hugo Borges na equipe principal do Almirante. Relacionado pela primeira vez na temporada de 2016, quando o Cruzmaltino mediu forças com a Luverdense pelo Brasileiro da Série B, ele estreou diante do Volta Redonda, neste ano, no Campeonato Carioca. O atacante se vê mais maduro e comemora a nova chance de mostrar seu futebol ao técnico Zé Ricardo.

– Estou muito feliz, empenhado e motivado para essa partida. É bom receber esse voto de confiança do Zé Ricardo. Estamos trabalhando bastante na base, muito determinados, e esse momento só vem para coroar esse esforço. Se tiver a oportunidade de entrar em campo, espero corresponder da melhor maneira possível. Já tive oportunidades no profissional e me vejo cada vez mais maduro. A experiência de viver a rotina do profissional, treinando com eles, nos deixa mais preparados e ajuda bastante na adaptação – concluiu Hugo Borges em entrevista ao site oficial do Vasco

Deixe seu comentário