Técnico Vagner Mancini explica eliminação do Vitória da Copa do Nordeste

Copa do Nordeste já ficou para trás para o Vitória. Levou três no Sampaio Corrêa e não devolveu o placar dentro de casa e agora o Leão se dedica exclusivamente para a única competição que lhe restou até o final da temporada.

Derrotado pelo Bahia no Campeonato Brasileiro, eliminado da Copa do Brasil pelo Corinthians e despachado da Copa do Nordeste pelo modesto Sampaio Corrêa, o Leão direciona todas as atenções para o Campeonato Brasileiro onde é o décimo quarto colocado com sete pontos e vindo de dois triunfos em seqüência contra Vasco e Ceará.

Depois do jogo, na tradicional entrevista coletiva, o técnico Vagner Mancine explicou a derrota e a conseqüente eliminação, nega que tenha colocado time misto no primeiro jogo, além disso, reclama da arbitragem no jogo nesta noite que não marcou dois pênaltis, segundo ele, fora isto, não expulsou o volante do Sampaio Corrêa. Por fim, recomenda que não adianta ficar chorando.

– Lógico que toda eliminação tem um peso. Não tenha dúvida que ser eliminado causa um peso emocional, mas todo mundo sabe que isso acontece. Vi no estádio manifestações contra um e outro, é normal. Torcedor está cheio de emoção, quer ver o time vencendo. Mas a gente não pode se abater. O Vitória vem de duas vitórias no Brasileiro, passa a ser o único campeonato do ano, temos que focar, pois dá a base financeira e estrutural para fazer um bom ano. Já passou [a Copa do Nordeste], não adianta ficar chorando.

Veja o vídeo entrevista



Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*