Invicto! Robson Conceição brilha e vence sua 7ª luta no boxe profissional

Depois de fazer história como primeiro brasileiro a conquistar uma medalha de ouro no boxe olímpico, em plena Rio-2016, Robson Conceição segue brilhando no boxe profissional. Inspirado em Rocky Balboa, seu ídolo, o baiano venceu sua SÉTIMA luta, neste sábado no Liacouras Center, na Filadélfia (EUA). A nova vítima foi o pugilista Alex Torres. Com isso, “Nino”, como é carinhosamente chamado, manteve a invencibilidade na nova carreira após o ouro olímpico.

Diante do mexicano naturalizado canadense, Robson dominou todas as ações nos seis rounds, controlou e dominou o centro do ringue e venceu por pontos por decisão unânime, um triplo 60 a 54 em combate no peso casado de 59kg. Com o novo triunfo, o baiano agora tem sete vitórias, sendo quatro por nocaute, sem derrotas, mantendo a sua caminhada de forma brilhante até aqui. Ele deve fazer mais cinco lutas em 2018 e espera entrar em 2019 com a chance de disputar um título mundial.



COMO FOI A LUTA

O baiano tomou a iniciativa no primeiro round. Se movimentou bastante no centro do ringue e buscou as sequências certas nos momentos certos. Alex Torres, por sua vez, apostou em inverter a base, buscando assim os contra-ataques, mas não conseguiu “assustar” o brasileiro. Robson voltou mais agressivo para o segundo round e desde o início buscou a linha de cintura para surpreender o mexicano naturalizado canadense.

O terceiro round seguiu com domínio e com o baiano mais incisivo e buscando agredir, mas Alex Torres segurava bem os golpes. O canadense apostava novamente nos contra-ataques e também acertava algumas jogadas. O quarto round começou com um monólogo do baiano. Só no fim, com uma boa combinação, Alex acertou bem Robson.

No quinto round, Robson manteve o castigo em cima do rival e encaminhou o triunfo. No sexto e último round, “Nino” ainda tentou buscar o nocaute, no minuto final chegou até a deixar o rival tonto, mas não conseguiu o knock down ou o nocaute, nada que diminuísse a excelente vitória por pontos com facilidade.

VEJA TAMBÉM!

Bellator 198: Vídeo da luta – Fedor Emelianenko x Frank Mir

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*