Bahia prega cuidado com negociações para TV aberta e pay-per-view

O presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, sempre transparente e cuidoso com as palavras, abriu o jogo em entrevista à Rádio Itapoan, onde abordou diversos assuntos. Entre eles, confirmou as sondagens feitas ao meia Felipe Gedoz e o atacante Copete (Leia aqui) – que morreram no berço – e também revelou falhas no contrato feito com o Esporte Interativo (Leia aqui), no que diz assunto ao valor recebido pelo Palmeiras, entre outros assuntos relevantes.

Bellintani também explicou como andam as tratativas com a Rede Globo para a TV aberta e também para pay-per-view. Segundo o mandatário, no momento, as conversas para as duas partes estão paralisadas e, sem afobação, o clube trata essa negociação com extremo cuidado, “pois vai impactar no futuro do Bahia”, destacou. VEJA ABAIXO:


“É uma negociação paralisada. Temos ainda um tempo para a efetivação, se for o caso, mas hoje está paralisado. O Bahia colocou uma meta, um objetivo a ser alcançado com pay-per-view e TV aberta. São os dois que ainda não negociamos com ninguém. São dois contratos que tendem a ter duração de seis temporadas, de 2019 a 2024. Por isso, precisamos ter muito cuidado, pois vai impactar no futuro do Bahia. Meu dever é zelar pelo futuro do clube”, disse o mandatário.

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*