Está mais do que claro: Vinícius foi o principal responsável pela selvageria no BAVI

Não é a toa que vemos radialistas da rádio Jovem Pan detonando o jogador

Pós-Batalha Hora de recolher as cinzas e arrumar a casa – Capítulo 2

O futebol baiano não aprende mesmo, capítulo 2. Sim. Continuando os comentários sobre o texto inicial, fica comprovado pelo menos para o resto do país, o verdadeiro responsável por toda a confusão no clássico. O Kanu não teria nenhum motivo para dar 2 murros em Vinícius. O Fernando Miguel menos ainda para ficar segurando o cara e assim permitir que 3 rubro-negros o socassem na cara por ofender os familiares pelo menos no entendimento de alguns.

Não aconteceria nenhum tipo de confusão mais séria, não haveria nenhum tipo de invasão ao campo conforme o árbitro relatou em súmula, provavelmente a partida terminaria empatada, a zoação ia continuar e todo mundo seguiria a sua vida. Será que todos conseguem entender a extensão de uma declaração por mais inocente que seja em uma rede social? Ou será que alguns vão desconsiderar esse fato e achar que 3 jogadores rubro-negros são malucos e resolvem esmurrar o jogador do Bahia por causa de uma dancinha com gestos obscenos?

Não sejamos ingênuos. Até hoje declarações de técnicos, jornalistas, jogadores são usadas a partir de declarações em jornais, TVs, redes sociais, revistas, etc, etc. A “sardinha” é uma delas. O “fusca” citado por Abel Braga é outra. Fora aquelas já realizadas contra o Vitória as quais me recuso a citar, mas que são usadas por torcedores do Bahia até hoje. E todas são válidas. Mas não me lembro de nenhuma zoação onde ficava implícito um desrespeito a familiares de jogadores adversários. E nesta o Vinícius se superou. E muito. A todos os outros.

Não a toa que vemos radialistas da rádio Jovem Pan comentando sobre esse fato. Gravíssimo. E é isso que chamo atenção nesse texto. Se alguém dá murro na cara de alguém tem um motivo fortíssimo. E está aí no vídeo se referindo ao “vagabundo” do Vinícius, citando palavras do radialista. E para que todos tenham ciência, noção de quem ACABOU com o clássico no Barradão.

E repito as palavras que fiz no outro texto por que, claro, isso pode acontecer com jogadores do vitória também. Que as diretorias dos dois clubes coloquem penas pesadas contra jogadores que falarem algo contra o clube adversário em redes sociais. Que as diretorias não sejam omissas e tratem as redes sociais com a seriedade que elas merecem. Afinal de contas a Rede Globo demitiu um profissional para lá de gabaritado graças a um vídeo supostamente racista. Levem a sério por favor. Podemos evitar tragédias maiores no futuro.

Marcos Guimarães, torcedor do Vitória, amigo e colaborador do Futebol Bahiano.

ASSISTA AO VÍDEO:

Deixe seu comentário

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. fun88asia
  2. Klik hier

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*