Presidente do Sport-PE exige presença de Régis na reapresentação

Segundo o dirigente, as negociações com o São Paulo ainda estão em andamento

A contratação de Régis pelo Bahia era algo tranquilo, aliás, parecia, não somente tranquilo como resolvido com o São Paulo utilizando um débito do Sport-PE (pelo empréstimo do atacante Rogério que não havia sido pago) para adquirir os direitos do jogador e repassá-lo ao Bahia que, por sua vez, ficaria com o meia em definitivo por três anos. A diretoria do tricolor baiano aguarda a chegada do atleta em Salvador nesta quarta-feira para assinar o novo contrato.

No entanto, pelo visto, as negociações ainda estão engatinhando e nada foi acertado de forma definitiva, nenhum esboço de contrato foi feito entre paulistas e pernambucanos, portanto, Régis ainda é atleta do Sport e como funcionário deve se apresentar em Recife quarta-feira, caso não aconteça, será um assunto à ser tratado administrativamente, garantiu o presidente do clube pernambucano, Arnaldo Barros, em entrevista à Rádio Jornal, de Recife.

A declaração do mandatário aconteceu nesta terça-feira, na véspera do dia das apresentações dos elencos dos clubes para a temporada de 2018. Ele afirmou que a negociação ainda não foi concretizada e que Régis é aguardado na reapresentação do clube nesta quarta, juntamente com Rithely e Diego Souza, ambos que estavam negociando suas saídas do clube, para Internacional e São Paulo. Ainda frisou que está avançando, porém, não irá revelar detalhes para não prejudicar os seus interesses na negociação com o clube do Morumbi.

“Rithely tem contrato e espero que se apresente amanhã. Se não vier, será tratado administrativamente. Diego Souza tem que se apresentar amanhã e se não vier, será tratado administrativamente. Régis tem que chegar amanhã como qualquer funcionário de empresa que tem a responsabilidade de se apresentar em tal dia. Nem minuta (de contrato) foi feita ainda. Conceitualmente estamos avançados mas não posso dizer que a negociação foi finalizada porque isso pode prejudicar o que eu quero da negociação”, disse.

Vinda do meia Régis para o Bahia foi um grande negócio para o SPORT-PE

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*