“O torcedor do Bahia precisa ter tratamento diferenciado na Fonte Nova”

Alguns temas relacionados ao Bahia e à Arena Fonte Nova serão discutidos.

Em evento que aconteceu na manhã deste sábado (13) na Faculdade Baiana de Direito, em Salvador, que contou com a presença de torcedores, sócios e conselheiros do clube, o Bahia realizou o projeto “Repensando o Bahia”, o vice-presidente do Esquadrão, Vitor Ferraz, explicou o objetivo do evento e destacou que o torcedor precisa participar de maneira mais ativa da vida do clube, não só indo ao estádio, mas propondo e dando ideias. Frisou ainda que os torcedores do Bahia precisam se sentir em casa e ter um tratamento diferenciado na Arena Fonte Nova pelo que o Bahia representa para o Estádio.

Segundo ele, alguns temas relacionados ao Bahia e à Arena Fonte Nova serão discutidos, como a instalação do Memorial do Bahia, Pontos de vendas de ingressos tanto pro sócio quanto para o não-sócio, valor dos ingressos, agilidade nas catracas de acesso ao estádio, preços dos produtos comercializados nos bares da Fonte Nova e do estacionamento. Antes de ser vice-presidente, Vitor Ferraz é torcedor do Bahia e disse que o torcedor merece ser bem tratado na Arena Fonte Nova. Veja o que disse o dirigente abaixo:

“Desde a campanha à presidência do clube tínhamos a ideia de que o torcedor deveria participar de maneira mais ativa da vida do clube não só indo ao estádio, mas também propondo, dando ideias, nos ajudando a construir coisas novas ou reconstruir coisas que precisassem de reformulação. É uma relação que tem evoluído, mas ainda está aquém do que a gente que pode ser. O torcedor do Bahia tem que se sentir em casa, ele precisa ter um tratamento diferenciado até pelo que o Esporte Clube Bahia representa para a Arena Fonte Nova historicamente e comercialmente também”, disse.

Deixe seu comentário