Site expõe mensagens de Rogério Caboclo e o chefe da Comissão de Ética da CBF

Nas mensagens, Carlos Renato saliente que enviaria ao presidente afastado da CBF

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O conturbado momento vivido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) tem desenrolado os fios nos últimos meses. Após o afastamento do presidente Rogério Caboclo até 2023 por acusações de assédio sexual, um novo capítulo surgiu. O site Metrópoles teve acesso a troca de mensagens entre o chefe da Comissão de Ética da instituição, Carlos Renato Ferreira, e Rogério Caboclo.

 

Nas mensagens, Carlos Renato saliente que enviaria ao presidente afastado da CBF, Rogério Caboclo, o orçamento de um serviço de consultoria com o objetivo de viabilizar a autorização da CBF pelo Ministério da Educação para criação de uma universidade.

A princípio, as mensagens foram trocadas em fevereiro. Ainda assim, elas seriam usadas como provas de Caboclo contra Ferreira.

“E. PRESIDENTE e dileto amigo, bom dia. Tudo bom com você? Universidade CBF em evolução. Logo terei um orçamento. Abs”, digitou Ferreira, por meio de um aplicativo de mensagens.
Em seguida, Caboclo respondeu alegando que a temática precisaria passar pela diretoria de recursos humanos da instituição:

“Caro amigo, seria importante envolver a CBF Academy, que cuida da nossa área educacional, para acompanhar isso. O Marco Dalpozzo, diretor de RH, é o responsável. Obrigado, grande abraço”.

Carlos Ferreira é sócio do escritório Warde Advogados, e desembargador aposentado. Ele está na presidência da Comissão de Ética da CBF há cinco anos.

Além disso, as mensagens evidenciam também um pedido do chefe da comissão de ética para conseguir ingresso para a filha para o jogo da final da Libertadores no Maracanã, em 30 de janeiro.

“E. Presidente e dileto amigo, boa tarde. Gratíssimo pelo honroso e ludopédico convite. Aceito e estarei presente. ‘Ex corde’”, encaminhou Ferreira a Caboclo. “Haveria possibilidade de estender o convite a ela?”, completou, no dia 22 de janeiro.

Caboclo correspondeu ao pedido, e Ferreira elogiou a ajuda do presidente em afastamento da CBF, após o jogo:

“Presidente amigo, boa noite. Gratíssimos pelo prazeroso convite. Apreciamos muito. O campeão não é o Palmeiras, mas, sim, você”, comentou Ferreira.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*