Técnico do Bahia vê briga aberta pela classificação na Sul-Americana

"Independiente continua em nossa frente, mas dependemos de nossa força"

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Na noite desta terça-feira, o Esporte Clube Bahia empatou em 2 a 2 com o Independiente em duelo que valia a liderança do Grupo B da Copa Sul-Americana. Após estar perdendo por 2 a 0, com gols de Jonathan Herrera e Velasco, ambos de pênalti, o Esquadrão buscou o empate com gols de Thaciano e Luiz Otávio, e teve a chance da virada nos pés de Gilberto, que perdeu penalidade. Com o empate, o Bahia chega aos 5 pontos e segue na segunda colocação do Grupo B da Copa Sul-Americana, enquanto o Independiente lidera com 7 pontos. Guabirá e Montevideo City Torque ainda se enfrentam pelo complemento da rodada. O técnico Dado Cavalcanti vê a briga pela classificação aberta.

 

“Tá totalmente em aberto. O Independiente continua em nossa frente, mas dependemos de nossa força. Teremos um confronto contra o Independiente fora de casa. No nosso grupo, existe uma equipe muito bem organizada e qualificada, que é o Montevideo Torque. Creio que tá tudo em aberto. A primeira fase vai ter um desfecho só na última rodada”, disse.

Dado fez questão de exaltar a equipe. “Eu deixo aqui a minha valorização por tudo que fizemos no segundo tempo. Enfrentamos um adversário qualificado e com um histórico e nós não nos contentamos em empatar. Queríamos o triunfo e o mais importante é esse poder de indignação. Somos sabedores de que precisamos evoluir e seguimos na luta”, indicou.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*