Sul-Americana: Atlético-GO vence, assume liderança e jogadores voltam vacinados

delegação do Atlético recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19

O Atlético de Goiás deu um passo importante rumo a classificação no Grupo F da Copa Sul-Americana. Atuando no Estádio Defensores del Chaco, o time goiano venceu o Libertad pelo placar de 2 a 1. Este foi o segundo triunfo na competição. Com o resultado, o Atlético tomou a liderança do time paraguaio e volta a jogar pela competição na próxima semana diante do Palestino (Chile), no Estádio Antônio Accioly em Goiânia.

 

Além de vencer a partida, a delegação do Atlético recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19, pela Conmebol, já no hotel em Assunção no Paraguai. O presidente do Dragão, Adson Batista através das redes sociais agradeceu a Entidade de futebol Sul-Americano e afirmou que acredita que “quanto mais pessoas estiverem imunizadas, melhor é, porque menos pessoas estarão transmitindo o vírus.

A Entidade pretende vacinar profissionais das equipes envolvidas na Libertadores e na Sul-Americana, primeiras divisões nacionais, além de seleções que disputarão a Copa América.

Como a vacinação contra a Covid-19 é em duas doses, o presidente atleticano disse que ainda não sabe como será feita a aplicação da segunda dose e lamentou que a vacina da Conmebol não pode entrar no Brasil. Toda a delegação do Atlético, com 45 pessoas, teve acesso à primeira dose da CoronaVac.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*