Lateral diz que Vitória tem condições de brigar pelo título do Nordestão

"A gente entra nos campeonatos para ganhar títulos", afirmou o jogador.

Foto: Pietro Carpi / Divulgação / EC Vitória

O Esporte Clube Vitória é o maior campeão da Copa do Nordeste, com quatro títulos (1997, 1999, 2003 e 2010), porém, não conquista o torneio desde 2010, quando bateu o ABC na final por 2 a 1, no Estádio Frasqueirão, com gols de Kleiton Domingues e Marconi. O jejum de 11 anos é uma pressão a mais para o Leão que busca a vaga na semifinal neste sábado, contra o Altos, às 18h30, no Estádio Manoel Barradas. Desde o retorno do Nordestão, o Rubro-Negro chegou duas vezes na semifinal (2015 e 2017), mas não alcançou à final. Entrevistado no CT Manoel Pontes Tanajura, o lateral-direito Raul Prata falou sobre a possibilidade de chegar na decisão e buscar o título.

 

“Pressão sim, pela camisa que o Vitória tem, pelo clube que é, pelo time que tem. Tem condições de brigar pelos títulos da Copa do Nordeste, do estadual e, em seguida, também pelo acesso da Série B. Essa pressão existe. Temos consciência. Mas é uma motivação. A gente entra nos campeonatos para ganhar títulos. A Copa do Nordeste não é diferente. A gente tem time, tem consciência do tempo que o Vitória tem sem ganhar esse campeonato, que é um campeonato muito bom. Então, a gente está bem focado e motivado para buscar esse título. Temos condições para isso”, afirmou.

Com presença garantida no jogo deste sábado, Raul Prata falou sobre a decisão e frisou que o Vitória não pode subestimar o adversário. “Em nenhum jogo a gente pode subestimar a importância. É um adversário que se classificou, temos que entrar ligados desde o início do jogo, como fizemos em outros jogos, dentro e fora de casa. A equipe vem colocando seu ritmo de jogo, como foi contra o Rio Branco, pela Copa do Brasil. Entramos muito fortes, começamos bem o jogo, não conseguimos fazer o gol no começo, mas no segundo tempo fizemos os gols, vencemos e avançamos. A equipe tem que entrar ligada desde o começo até o fim do jogo. Jogo difícil, de eliminação. Temos que estar atentos a todos os detalhes para vencer”, disse Raul Prata.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*