Argentino admite que trabalho não deu certo e já não é mais o técnico do Santos

técnico reconheceu que os trabalhos não estavam dando certo

Vida curta do técnico Ariel Holan no comando do Santos. Após a derrota para o Corinthians na última rodada do Campeonato Paulista, o técnico reconheceu que os trabalhos não estavam dando certo e o melhor caminho seria a retirada. A informação foi dada foi dada em entrevista coletiva do presidente Andres Rueda, na manhã desta segunda-feira (26).

 

“Sempre após os jogos nós conversamos com o técnico, ainda no vestiário. Ontem, o Ariel Holan solicitou que a partida contra o Boca Juniores fosse a última no comando do Santos FC. Ele afirmou que os frutos do trabalho não estavam aparecendo e que o melhor que poderia fazer era nos deixar, para escolhermos um novo treinador. Não era o que eu queria, mas em comum acordo nós aceitamos. Tentei reverter. Agora estamos vendo se ele será ou não o técnico contra o Boca. Temos a Comissão Técnica permanente e justamente para entrar nessas horas. Não planejamos isso e temos que retomar o percurso. Com contratações pontuais a gente tem condições de disputar com os principais time do país”.

Confira

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*