Vitória da Conquista vence a salva a 1ª rodada dos clubes baianos na Série D

Vitória da Conquistou estreou com o pé direito na competição nacional

O Campeonato Brasileiro da Série D começou neste final de semana com a participação de todos os clubes da Bahia. No sábado, o fracasso foi total com duas derrotas. No Domingo a primeira vitória. Bahia de Feira chegou a estar vencendo até os minutos finais, mas tomou a virada e perdeu por 2 a 1 para o Tupynambás, em Minas Gerais. Já o Atlético de Alagoinhas, foi o pior de todos quando perdeu atuando no Estádio Antônio Carneiro para o Gama de Brasília pelo placar de 1 a 0. Vitor Xavier marcou o único gol da partida. Na sequência da competição, o Bahia de Feira buscando recuperar do atraso inicial, encara no próximo sábado (26) Vila Nova de Minas Gerais, às 15h, agora na Arena Cajueiro. O time mineiro estreou na competição derrotando o Palmas e junto com o Brasiliense lideram o grupo 6.

 

Já o Atlético de Alagoinhas que também está no Grupo 6 com o Bahia de Feira, só volta ao campo de jogo em 1° outubro outra vez no Estádio Antônio, agora para enfrentar o Palmas, às 19h.

No entanto, neste domingo finalmente obtivemos a primeira vitória na competição. Em jogo realizado no Estádio Lomanto Júnior, o Vitória da Conquista fez prevalecer o mando de campo e venceu o Coruripe pelo placar de 2 x 0 e assim estreia com o pé direito na Série D, e salva a primeira rodada todos times baianos. Léo Dias e Luís Henrique marcam os gols, ambos no segundo tempo do jogo que valeu pelo Grupo 4.

Com o triunfo, o Vitória da Conquista assume a liderança do grupo, com três pontos. Na sequência, o time baiano no Estádio Municipal Jairton Menezes de Mendonça (Titão), encara o Freipaulistano, em Sergipe. O time sergipano fará sua estreia neste domingo, no Estádio Manoel Leonardo Nogueira, em Mossoró, enfrentando o Potiguar, às 19h.

O Vitória da Conquista estreou neste domingo o treinador boliviano Joaquín Monasterio, de 36 anos, que foi anunciado pelo clube após o fim do Baianão para comandar a equipe na Série D. Monasterio é ex-jogador de futebol, e trabalhou como técnico nas categorias de base do Oriente Petrolero com passagem também pelo Santa Cruz de La Sierra, ambas da Bolívia.

O Campeonato Brasileiro da Série D na sua edição 2020 ganhou um novo formato, bem diferente em relação às edições anteriores. A novidade foi a realização de um torneio Pré-Classificatório reunindo oito clubes para quatro avançarem à fase de grupos. Os jogos de mata-mata já foram realizados inserindo na competição Ji-Paraná, Baré, Real Noroeste e Brasiliense.

A competição  reuni 64 clubes, divididos em oito grupos de oito. Eles jogam entre si em turno e returno – 14 rodadas – avançando à segunda fase os quatro melhores, totalizando 32 clubes. A partir daí as fases serão em mata-mata, caindo para 16, 8, 4 (semifinais) e 2 (final). Os semifinalistas vão ascender à Série C em 2021. Os confrontos regionalizados foram mantidos, sendo que o Estado da Bahia terá como representantes Bahia de Feira, Atlético de Alagoinhas e Vitória da Conquista.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*