Daniel Alves fratura o braço e desfalca o São Paulo por tempo indeterminado

O camisa 10 do Tricolor deixou o gramado do Morumbi com muitas dores

Na noite desta quarta-feira, o São Paulo venceu o Athletico-PR em duelo antecipado da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, porém, apesar do triunfo ter dado uma acalmada na pressão em cima do time, o técnico Fernando Diniz perdeu um jogador importante para a sequência da competição. O meia Daniel Alves sofreu uma fratura no antebraço direito, vai passar por cirurgia nesta quinta-feira e deve ser desfalque por tempo indeterminado. O camisa 10 deixou o gramado do Morumbi com muitas dores, depois de sofrer uma pancada em disputa com Fernando Canesin, do Athletico. O atleta baiano recebeu o primeiro atendimento no banco de reservas e depois saiu do campo no carrinho. No hospital, foi examinado e teve a fratura constatada.

 

“O Daniel Alves foi atendido no HCor, onde se evidenciou uma fratura no antebraço direito. Ele será submetido a cirurgia nesta quinta-feira para colocar uma placa para correção da fratura. A expectativa é de que a recuperação seja boa. Não podemos estipular o período, mas esperamos uma boa recuperação por se tratar de uma fratura alinhada e com um bom prognostico de recuperação”, afirmou o médico do São Paulo, José Sanchez.

Desde que chegou ao São Paulo, em agosto do ano passado, Daniel Alves não desfalcou o Tricolor por lesão, apenas por convocações da seleção brasileira e cartões. Além de Daniel Alves, Fernando Diniz não terá Reinaldo, suspenso, no clássico deste domingo, às 11h, contra o Corinthians, também, no Morumbi. O treinador ainda tem a dúvida de Luciano. O atacante, autor do gol na vitória sobre o Athletico, sentiu um desconforto muscular e será avaliado.

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*