Virou vício: Ceará vence e elimina o Vitória novamente da Copa do Nordeste

Vitória tem nova decisão neste domingo pelo Campeonato Baiano

De certo modo desacreditado, já que ainda sofre um processo imenso de reestruturação em todos os seus segmentos, o Esporte Clube Vitória enfrentou hoje à tarde no Estádio de Metropolitano de Pituaçu com portões fechados em decorrência da crise do coronavírus, o Ceará pelo mata-mata da Copa do Nordeste. Ambas as equipes entraram em campo invictas na competição sugerindo um jogo de alta competitividade. Vale lembrar que o jogo não aconteceu no Barradão, pois originalmente o mando de campo é do Ceará por ter feito melhor campanha na fase de grupos. O Leão entrou em campo com a incumbência de quebrar uma sequência de três anos consecutivos de eliminações nesta mesma competição em duelos contra o Vozão, hoje comandado pelo técnico Guto Ferreira com passagem recente pelo Bahia. No entanto, o Rubro-Negro acabou fracassando novamente e assim, está eliminado da competição, da qual é o maior vencedor e pela quarta vez em quatro anos para os cearenses.

 

Primeiro tempo equilibrado com breve predominância para o Ceará nos minutos iniciais, no entanto, no decorrer do jogo, o Vitória equilibrou a partida, cresceu, tomou as rédeas, porém, foi o Ceará que abriu o placar com Vinicius cobrando e convertendo penalidade cometida por Thiago Carleto nos minutos finais do primeiro tempo.

No segundo tempo, quando se esperava uma maior pressão do Leão para pelo menos levar a decisão aos pênaltis, o time não mostrou aptidão ofensiva mesmo após a expulsão do zagueiro Luiz Otávio ainda aos 15 minutos do segundo tempo. Depois na base da correria e sem qualquer organização, até buscou virar a partida com uma pressão inócua e inconsequente e sem sucesso. Final de jogo, Ceará 1 x 0 Vitória. O Vovô segue na competição e enfrentará Fortaleza que despachou o Sport-PE nos pênaltis por 4 a 1 após empate sem gols no tempo normal.

Sem outra competição para o time principal, o Leão agora se prepara para estrear do Campeonato Brasileiro da Série B buscando pelo segundo ano retornar para a elite do futebol nacional. Na partida inaugural o Leão enfrentará o Sampaio Corrêa, às 19h, no Estádio do Barradão, do dia 8 de agosto.

O Esporte Clube Vitória agora com seu time reserva, mesclado com jogadores reservas e experimentos recém contratados, volta ao campo de jogo deste domingo na última rodada da fase de classificação do insosso, sem graça e deficitário Campeonato Baiano para enfrentar o Doce Mel em jogo previsto para acontecer no Estádio Joia da Princesa em Feira de Santana, às 16h. O Leão que vem de uma sequência de três jogos sem triunfo não depende apenas de si, precisa vencer e somar ao triunfo tropeços dos correntes acima na tabela de classificação. Vencendo, as chances para avançar até as semifinais são amplas.

Vitória e Ceará ainda voltam a se enfrentar agora pela Copa do Brasil. Recapitulando, o Leão avançou até a 3ª fase vencendo o Lagarto/SE por 3 a 1 no Barradão, em Salvador. Os gols foram de Léo hoje afastado do grupo o clube e Vico, duas vezes, enquanto os sergipanos descontaram com Edilson. Na sequência, o Vitória o Ceará no Castelão sendo derrotado pelo placar de 1 x 0 com marcando pelo veterano Rafael Sóbis

O jogo de volta que aconteceria no Estádio do Barradão, foi adiado por conta da crise do coronavírus, no entanto, está previsto para acontecer em 26 de agosto. Neste jogo o Vitória precisa vencer o Vovô por no mínimo dois gols de diferença para conseguir se classificar para a quarta fase. Qualquer triunfo do Leão baiano por um gol de diferença (2 a 1, 3 a 2, 4 a 3, por exemplo) leva a decisão para a disputa de pênaltis.

Ceará 1 x 0 Vitória: Veja o gol do meia Vinícius em Pituaçu

Comentários: