CSA conversa com o Bahia e tenta liberação de volante, revela dirigente

"Estamos conversando e tentando a liberação com o Bahia", afirmou o dirigente

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia / Divulgação

Promovido ao elenco principal após o fim do time de transição em virtude da pandemia do coronavírus que paralisou completamente o futebol há mais de 100 dias, o volante Yuri segue treinando com o grupo de Roger Machado, porém, a qualquer momento pode deixar o Esquadrão e ser novamente emprestado. O gerente de futebol do CSA, Raimundo Tavares, revelou que conversou com o jogador e agora negocia a liberação com o Bahia. Em 2018, o atleta foi um dos destaques na campanha de acesso do time alagoano à Série A, sendo escolhido como o melhor volante do Campeonato Alagoano e também da Série B. No ano passado, atuou por empréstimo no Tochigi, do Japão. Além de Yuri, o técnico Roger conta com Gregore, Flávio, Elton, Jádson, Ronaldo, Edson e Ramon como volantes.

 

“Nós tivemos uma conversa com ele, mas não temos nada decidido. Estamos conversando e tentando a liberação com o Bahia”, afirmou o dirigente em contato ao site Globoesporte.

Na entrevista, Gilberto falou também sobre a relação com outros jogadores do Bahia, disputas no Free Fire com o colega de equipe Fernandão, comentou sobre gostos pessoais e relembrou outros momentos da carreira de jogador. Para conferir a live completa com o atacante do Bahia, acesse o Instagram do Bahia Notícias.

Natural do Rio de Janeiro, Yuri Lima Lara está no Bahia desde 2013, mas em 2018 foi emprestado ao CSA e após ser um dos destaques na campanha de acesso à Série A do time alagoano se tornando o rei dos desarmes na Série B, retornou ao Esquadrão em 2019 cotado até para iniciar a temporada como titular, no entanto, sofreu uma lesão que atrapalhou sua pré-temporada e o deixou de fora das primeiras partidas do ano. Quando se recuperou, não conseguiu recuperar seu espaço, nem com Enderson Moreira, tampouco com Roger Machado. Com isso, foi incorporado ao time de transição, onde entrou em campo seis vezes, todas como titular.

No segundo semestre de 2019, foi emprestado ao Tochigi, do Japão, entrando em campo 10 vezes e marcando 1 gol, porém, não teve seu passe adquirido e voltou ao Bahia no início de 2020. Foi incorporado ao elenco de transição, e após três meses, foi titular no Ba-Vi pela 1ª fase do Baianão. Foram 2 jogos pela equipe de Dado Cavalcanti no Estadual.

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*