Após reunião com Bolsonaro, Bellintani faz exame e testa negativo para Covid-19

Bellintani se reuniu com Bolsonaro para debater a MP dos direitos de transmissão

Foto: Marcos Corrêa/PR

Nesta terça-feira (07), por meio de pronunciamento nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro confirmou que testou positivo para a Covid-19. Por conta disso, presidentes de vários clubes, entre eles, o do Esporte Clube Bahia, realizaram exames, já que no dia 30 de junho, uma semana antes da confirmação, se reuniram com o presidente da república no Palácio do Planalto. A reunião debateu a MP dos direitos de transmissão. Athletico-PR, Bahia, Ceará, Coritiba, Fortaleza, Internacional, Palmeiras e Santos foram os clubes representados. Fotos do encontro de uma semana atrás mostram Bolsonaro sem máscara ao lado dos dirigentes, que estavam com os rostos protegidos.

 

Em documento de abril, a OMS (Organização Mundial da Saúde) diz que os sintomas de Covid-19 podem levar até 14 dias para serem sentidos, embora o mais comum seja entre cinco e seis dias – ou seja, Bolsonaro já podia estar contaminado no encontro. O mesmo documento diz que pessoas pré-sintomáticas podem passar o vírus adiante.

Através da assessoria, o “Esporte Clube Bahia informa que o presidente Guilherme Bellintani fez exame e testou negativo para Covid-19. Segundo o clube, ele não está com sintomas e repetirá o procedimento na sexta-feira, dia em que jogadores e funcionários farão novos testes no CT do clube.”

Outro clube representado na reunião, o Ceará disse “que o presidente do clube, Robinson de Castro, já havia tido a doença antes do encontro com Bolsonaro.”

O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, fez o teste na última sexta-feira, três dias após a reunião com Bolsonaro, na quarta testagem promovida pelo Leão. O clube informa que nenhum jogador ou gestor testou positivo. Os outros presentes também realizaram exames.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*