Com contrato encerrando, Dado tem permanência incerta no Bahia

Contrato de Dado Cavalcanti encerra no final de abril

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Contratado em abril do ano passado para comandar o time de transição, o técnico Dado Cavalcanti tem contrato com o Esporte Clube Bahia até o dia 20 de abril e ainda não sabe se irá permanecer no clube. Recluso com a família no interior de Pernambuco cumprindo a quarentena em razão da pandemia do coronavírus, o treinador revelou que chegou a iniciar uma conversa para prorrogar o vínculo antes da paralisação dos campeonatos, mas a negociação acabou sendo interrompida e só deve ser retomada após o retorno às atividades. Vale frisar que o presidente Guilherme Bellintani garantiu que o projeto sub-23 será mantido mesmo com a incerteza sobre o término do Campeonato Baiano.

 

“Ainda não sei o que vai acontecer. Cheguei a receber alguns convites nesse período mas preferi cumprir o meu contrato, que está perto de terminar. […] Chegamos a iniciar uma conversa com o Bahia mas, com essa pandemia, temos que aguardar. Se for pra continuar, não faltará dedicação. Se surgir outra proposta, estarei ainda mais preparado por tudo o que aconteceu nesses últimos doze meses de trabalho no Bahia”, confessou.

Perto de completa um ano de clube, Dado também falou sobre o projeto e o desenvolvimento do trabalho no time de transição do Bahia. “Enxerguei a possibilidade de realizar um trabalho com começo, meio e fim. Ainda não está completo porque está tudo parado no país. Mas os resultados são bons. Conseguimos levar o time de aspirantes à semifinal do brasileiro da categoria no ano passado. Com essa equipe, lideramos o campeonato baiano até o momento da parada e conseguimos promover jogadores para a equipe principal do Bahia”, ressaltou o treinador.

 

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*