Com a Jacuipense como único representante baiano, Série C tem regulamento modificado

Jacuipense estreia contra o Remo dentro de casa

Foto: Divulgação/Jacuipense

Depois de divulgar o esboço das tabelas das Séries A, B e C, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta segunda-feira (2) a composição do Brasileiro da Série C que tem como representante baiano, o Esporte Clube Jacuipense que fez uma belíssima campanha da Série D no ano passado. O time baiano fará sua estréia contra o Remo no Estádio Eliel Martins na cidade de Riachão de Jacuípe. O clube baiano enfrentará na fase de grupo, adversários tradicionais como Santa Cruz, Paysandu e Botafogo-PB. Este a ano a competição que funciona como uma espécie de quarta divisão contará com uma novidade no formato de disputa.

 

A primeira rodada do torneio nacional será disputada entre os dias 2 e 3 de maio, com dez confrontos. Serão dois grupos com dez times cada, que se enfrentam dentro do próprio grupo na primeira fase classificando 4 clubes de cada grupo. A mudança no regulamento fica por conta da segunda fase. Nos anos anteriores, os clubes se enfrentavam em confrontos eliminatórios de quartas de final, que valiam o acesso e a classificação para as semis.

A partir de 2020, o desempenho na primeira fase vale vaga em dois quadrangulares. O chaveamento envolve os quatro melhores colocados de cada grupo e se dá de forma alternada. De um lado, o 1º colocado do grupo A, o 2º colocado do grupo B, o 3º colocado do grupo A e o 4º colocado do grupo B. Do outro, o 1º colocado do grupo B, 2º colocado do grupo A, o 3º colocado do grupo B e o 4º colocado do grupo A. Os dois melhores de cada grupo conquistam o acesso à Série B no ano seguinte. Os vencedores de cada grupo se classificam para a final.

A abertura da Série C terá os seguintes confrontos:

Grupo A
Paysandu x Santa Cruz
Treze x Imperatriz
Manaus x Vila Nova
Ferroviário x Botafogo-PB
Jacuipense x Remo

Grupo B
São José-RS x São Bento
Brusque x Ypiranga
Ituano x Tombense
Boa Esporte x Volta Redonda
Londrina x Criciúma

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*