Mais um clube brasileiro é eliminado na 1ª fase da Sul-Americana

Goiás perdeu para o Sol de América dentro de casa e deu adeus

Foto: AFP

Após o Atlético-MG, que foi despachado pelo Unión Santa Fé, e Fluminense que parou no Unión La Calera, a Copa Sul-Americana teve mais um clube brasileiro eliminado na primeira fase. O Goiás perdeu por 1 a 0 para o Sol de América, do Paraguai, nesta terça-feira, em Goiânia, e foi eliminado precocemente ainda na primeira fase. Novick, de pênalti, fez o único gol da partida disputada no Estádio Olímpico. No jogo de ida, em Assunção, o Sol de América também venceu por 1 a 0. Time goiano repete campanha da sua última participação, em 2015 – quando caiu para o Brasília.

 

O experiente goleiro paraguaio, de 34 anos, foi o grande personagem do segundo tempo e garantiu a classificação do Sol de América com grandes defesas, evitando que o Goiás balançasse as redes e incendiasse a partida. O Esmeraldino agora volta suas atenções para o Campeonato Goiano. No próximo domingo, o Verdão fará clássico contra o Vila Nova. Na próxima semana, o desafio será contra o Santo André, na segunda fase da Copa do Brasil. O Sol de América segue na Copa Sul-Americana e aguardará sorteio para conhecer seu próximo adversário.

Até aqui, o único time brasileiro que garantiu a classificação foi o Vasco da Gama após vencer o Oriente Petrolero em São Januário por 1 a 0 e empatar na partida de volta por 0 a 0. Nesta quarta-feira, o Bahia entra em campo com excelente vantagem contra o Nacional do Paraguai. Na ida, venceu por 3 a 0 na Fonte Nova. Já o Fortaleza perdeu para o cascudo Independiente-ARG por 1 a 0 na Argentina e precisa reverter o placar na Arena Castelão, em duelo marcado para o dia 27.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*