Novo vexame: Bahia perde para o Goiás e completa 8 jogos sem vencer

Gilberto voltou a marcar após 11 jogos na seca de gols

Foto: Heber Gomes/AGIF

Novamente com um futebol apático, previsível e sem criatividade, especialmente no primeiro tempo quando tomou dois gols nos primeiros 12 minutos de bola rolando, o Esporte Clube Bahia voltou a decepcionar e neste domingo perdeu por 4 a 2 para o Goiás no Estádio Serra Dourada, valendo pela rodada de número 34 do Campeonato Brasileiro. Rafael Moura, Michael, Gilberto Júnior e Marlone marcaram os gols do Esmeraldino. Gilberto, encerrando um jejum que durou 11 jogos, João Pedro e Fernandão marcaram os gols do tricolor baiano. Com a derrota, o Esquadrão completa o oitavo jogo seguido sem vencer. O último triunfo foi no dia 16 de outubro, quando venceu o Grêmio por 1 a 0 em Porto Alegre. De lá para cá, perdeu cinco vezes (Ceará, Inter, Santos, Flamengo e Goiás) e empatou três (Cruzeiro, Chape e Palmeiras). Bahia não levava quatro gols no mesmo jogo desde a derrota por 4 a 1 para o Flamengo, em 2017.

 

Com o resultado, o Bahia se mantém com 44 pontos e cai para a 10ª colocação, mas ainda pode terminar a rodada no 11º lugar, caso o Fortaleza vença o Internacional no Beira-Rio, em Porto Alegre. O Goiás chega aos 46 pontos e assume a 9ª posição, entrando na briga pelo G-8. O próximo compromisso do Bahia é na quarta-feira (27), contra o Atlético-MG, às 21h, na Arena Fonte Nova. O Esquadrão ainda tem pela frente, além do Galo, na ordem: CSA (fora), Vasco (casa) e Fortaleza (fora).

Com um início avassalador, o Goiás sobrou no primeiro tempo e abriu 2 a 0 nos primeiros 12 minutos. O primeiro teve a participação do VAR, já que o bandeira anulou o gol de Rafael Moura alegando impedimento que não houve, já que o lateral-esquerdo Moisés dava condições. O lance foi revisado pela arbitragem de vídeo e tento validado. O segundo veio em seguida, aos 12. Leandro Barcia fez ótima jogada pela direita e cruzou para o centro da área. Rafael Moura deixou a bola passar, e Michael chutou no canto direito de Douglas. O Bahia não conseguiu agredir e seguiu dando espaços para o time goiano que quase aumentou duas vezes, mas parou na trave com Thalles e depois esbarrou no goleiro Douglas em chute de Michael que fez um salseiro na defesa tricolor. Ainda teve um pênalti para o Esquadrão não marcado pelo árbitro.

No segundo tempo, o Bahia voltou com Guerra no lugar do apagado Lucca e melhorou em campo, passou a pressionar o Goiás e conseguiu diminuir aos 13 minutos justamente quando Fernandão se preparava para entrar, porém, Élber lançou o atacante Gilberto que tocou na saída do goleiro Tadeu e marcou o seu 27º gol na temporada, encerrando um jejum de 11 jogos sem balançar as redes. Não marcava desde setembro, na derrota por 2 a 1 para o Corinthians. No entanto, após o gol, o time baiano deixou de produzir e o Goiás voltou a dominar, chegando ao terceiro gol com Gilberto Júnior aos 25 minutos. Ainda teve tempo para João Pedro diminuir para o Bahia, mas Marlone anotou o quarto. Fernandão diminuiu nos minutos finais, mas a conta foi fechada em 4 a 3.

Sem Flávio (suspenso) além dos lesionados (Giovanni, Elton e Marco Antônio), o Bahia enfrentou o Goiás com: Douglas; João Pedro, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Ronaldo (Nino) e Lucca (Guerra); Élber, Arthur Caíke (Fernandão) e Gilberto.

JOGOS DA 34ª RODADA – SÉRIE A

QUARTA, 13/11 (jogo antecipado)
21h30 – Flamengo 4 x 4 Vasco

SÁBADO, 23/11
21h00 – Santos 4 x 1 Cruzeiro

DOMINGO, 24/11
16h00 – Palmeiras 1 x 2 Grêmio
16h00 – Goiás 4 x 3 Bahia
16h00 – Atlético-MG 0 x 1 Athletico-PR
18h00 – Botafogo x Corinthians
19h00 – Internacional x Fortaleza
19h00 – Ceará x São Paulo
19h00 – Avaí x Chapecoense

SEGUNDA-FEIRA, 25/11
20h00 – CSA x Fluminense

Bahia perde lateral e meia para o duelo contra o Atlético-MG

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*