Geninho não quer Vitória afobado: “Basta um empate e está livre”

Leão enfrenta o Operário nesta terça-feira em Ponta Grossa

Foto: Letícia Martins / EC Vitória / Divulgação

Com 42 pontos na 14ª colocação, o Esporte Clube Vitória precisa de mais um ponto para sacramentar a permanência na Série B do Campeonato Brasileiro. O próximo adversário, pela penúltima rodada, é o Operário-PR, e duelo marcado para esta terça-feira (19), às 21h30, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR). Em entrevista coletiva, o técnico Geninho destacou que o time vai entrar em campo para buscar a vitória, porém, ressaltou que é preciso não ter afobação e lembrou que “basta um empate e está livre”.

 

“Em cima dos últimos resultados da rodada, se você fizer um ponto, está livre dessa ameaça. Temos seis pontos para fazer um. Claro que vamos buscar mais, tentar como sempre buscar a vitória, mas ter a consciência de que as coisas não precisam ser feitas de maneira afobada, porque basta um empate e está livre”, afirmou em entrevista coletiva.

Apesar do Operário não tem mais chances de acesso, tampouco de rebaixamento, Geninho espera o duelo difícil. “Claro que tem que ter um respeito grande pelo adversário, que tem um retrospecto muito bom jogando em casa, ganhou 70% ou 80% das partidas em Ponta Grossa. Mas já ficou provado em alguns jogos que o Vitória não sabe jogar pelo resultado; ele se dá melhor quando busca o jogo ofensivo, quando propõe o jogo. Vamos jogar da maneira que o grupo se sente melhor, buscar a vitória. Se não conseguir, buscar o resultado que lhe dê a classificação”, destacou.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*