Para elevar audiência, TV GLOBO pretende padronizar os Campeonatos Estaduais

Apenas 16 datas para os estaduais em 2020

FOTO - Walmir Cirne

Os Campeonatos estaduais ainda sobrevivem apesar de todo o prejuízo e a quase total ausência de atratividade. A cada ano perde espaço com os grande parte dos clubes utilizando-se de jogadores de base e suas datas sendo reduzidas e no nosso caso, com os clubes recebendo uma espécie de esmola de cota de participação sem premiação para vencedor, algo que não acontece com os torneios de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

 

No próximo ano, por exemplo, CBF já determinou que os torneios sejam (mais) enxugados para apenas 16 datas, além disso, os clubes tentaram padronizar o formato para atender as demandas da TV GLOBO detentora dos direitos de transmissão da competição que já a partir de 2020 não transmitirá os paranaense.

De acordo o site Maquina do Esporte, a Globo conversou com as federações de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. O projeto é fazer com que o formato de disputa seja similar ao que consagrou o Estadual do Rio de Janeiro. Dois turnos distintos e, posteriormente, semifinais e finais para decidir o time campeão.

“A Globo nos solicitou fazer essa alteração no calendário e padronizar os formatos de competições. Temos de agora conversar com os clubes para aprovar esse novo modelo”, revelou Leonardo Barbosa, diretor de competições da Federação Mineira de Futebol (FMF)

A ideia da Globo é fazer com que o torneio tenha mais atratividade de audiência. Com os dois turnos, aumenta a quantidade de jogos decisivos, o que amplia o interesse do torcedor para acompanhar o torneio. A princípio, o único dos grandes Estaduais que não teria a fórmula alterada é o Campeonato Paulista, que já consegue ter maior resultado por ter um formato em que os quatro grandes se enfrentam de forma mais constante, garantindo boa audiência nessas partidas.

Até 2021, a Globo tem contrato com essas quatro federações (Carioca, Gaúcha, Mineira e Paulista). A emissora tem reduzido o interesse em investir nos Estaduais para concentrar os esforços no Campeonato Brasileiro. Um dos motivos é a audiência menor que essas competições têm tido antes da fase decisiva. Apesar da queda de interesse durante o período de classificação, as finais estaduais têm alcançado ótimos resultados no Ibope. Em 2019, o recorde de audiência do futebol em São Paulo continua sendo o duelo entre Corinthians e São Paulo, na final do Paulista.

Com um formato padronizado de disputa dessas competições, a tendência é fazer com que o campeonato tenha ainda o aporte financeiro da Globo. A emissora já deve cortar, a partir do ano que vem, o investimento que faz em alguns torneios.

Deixe seu comentário

5 Comentário

  1. Hi there! Someone in my Myspace group shared this site with us so I came to check it out.

    I’m definitely enjoying the information. I’m bookmarking and will be tweeting this to my
    followers! Superb blog and superb design.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*