O Atlético Mineiro não merecia perder para o Bahia, diz técnico Rodrigo Santana

O Bahia jogou por uma bola, achou, marcou e se fechou

O Atlético Mineiro optou por um time reserva hoje à manha contra o Bahia, perdeu pelo placar de 1 x 0, perdeu uma longa sequência no Estádio Independência, além disso, perdeu a chance de voltar ao G4 e corre o risco de ser ultrapassado na seqüência pelo Corinthians e o Internacional que ainda não ainda atuaram uma. Após o jogo o técnico Rodrigo Santana explicou a formação da equipe e lembrou que era preciso poupar para priorizar a partida de volta das quartas de final da Copa Sul-Americana, contra La Equidad-COL, na próxima terça-feira. Ainda segundo o treinador, ainda assim, o Galo não merecia perdeu para o Bahia que jogou e achou uma bola, marcou e se fechou.

 

Veja a entrevista

Deixe seu comentário

5 Comentário

  1. De que adianta mais chances com menor aproveitamento?

    O Bahia conseguiu impor o a sua tática no jogo, que é fazer o gol e desesperar o adversário… que quando não parou em Douglas, chutou a esmo, se desorganizou. Enquanto o isso o Bahia se reservava a sair em contra-ataques e por pouco não chegou ao segundo gol.

    O Bahia aproveita para mostrar que está na frente dos outros times do Brasil nas suas campanhas de igualdade de gênero:

    Bateu no Galo (Atlético Mineiro) e bateu na Galinha (Vicetória)!

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*