Ex-Flu de Feira, técnico Evandro Guimarães está à caminho do futebol boliviano

Treinador se desligou do Flu de Feira recentemente

Após deixar o Fluminense de Feira por conta de um desentendimento com o presidente José Francisco Pinto, o Zé Chico, o técnico Evandro Guimarães está muito perto de ser anunciado pelo Club Destroyers, da Bolívia, clube sediado na cidade de Santa Cruz de la Sierra e que atualmente disputa a Liga Nacional A, segundo informações do Jornal El Mundo. Esse também pode ser o destino do volante/zagueiro Júnior Gaúcho que deixou recentemente o Atlético-BA dias após anunciado, seduzido por uma proposta para voltar à Juazeirense e voltou ao Cancão, mas sequer foi relacionado para o amistoso deste domingo.

Evandro Guimarães alegou ter um impasse com o presidente do Fluminense de Feira, José Francisco Pinto, o Zé Chico, por ter relacionado 25 atletas para a partida, deixando de fora os atletas Guilherme e Neilson (negado pelo mandatário). Segundo o treinador, o dirigente teria lhe solicitado que levasse 27 jogadores incluindo esses atletas que vêm participando normalmente das atividades, gerando a desavença que levou o treinador a comunicar seu afastamento. Outros dirigentes tentaram reverter a situação de todas as formas, no entanto, através de uma nota, Evandro comunicou seu desligamento da equipe.

Evandro Braz Guimarães tem 45 anos e já treinou, além do Fluminense de Feira, clubes como Salgueiro, Coruripe-AL, Vitória da Conquista, Grêmio Barueri. Em 2017, foi vice-campeão pernambucano pelo Salgueiro. Em sua primeira passagem pelo Cancão de Fogo, ele conseguiu o 3º lugar no Campeonato Baiano, garantindo a equipe na Copa do Brasil, Copa do Nordeste de 2017 e Série D de 2016. Na segunda passagem, em 2018, após deixar o Flu de Feira, ele comandou a Juazeirense na disputa da Série C, mas não conseguiu evitar o rebaixamento do clube para Série D.



Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*