Em baixa: Centroavantes do Vitória não balançam as redes há 5 jogos

O argentino Walter Bou ainda não marcou pelo Leão

Internacional, Santos, Chapecoense, Corinthians e São Paulo. Esses foram os últimos cinco adversários do Esporte Clube Vitória no Campeonato Brasileiro, uma sequência onde somou apenas um triunfo, um empate e três derrotas. Nesses cinco jogos, os centroavantes do Leão não balançaram as redes e esse baixo rendimento faz com que Carpegiani mexa frequentemente no setor e não tenha um titular absoluto definido.

Léo Ceará que vinha sendo titular com Carpegiani e até indo bem, caiu de produção e perdeu o lugar para Walter Bou, porém, o argentino não demorou muito entre os 11 e sem convencer deu a vaga para Maurício Cordeiro, que começou jogando contra o São Paulo, mas pouco apresentou. Outra opção é André Lima. No entanto, nenhum dos quatro passa a confiança necessária para ser o camisa 9 que Carpe espera. São 5 jogos sem gol de centroavante e exatos 34 dias. O argentino é o único que ainda não marcou pelo Leão. O artilheiro do time em 2018 é o meia-atacante Neílton, com 20 gols em 51 jogos.

O último gol marcado por um centroavante de ofício aconteceu na derrota para o Botafogo, por 4 x 3, no estádio do Barradão, no dia 23 de setembro, quando o estreante Maurício Cordeiro saiu do banco de reservas para marcar o último gol do Leão. Maurício, que foi contratado esse ano vindo do futebol de Israel, deve ter mais uma chance no ataque rubro-negro diante do lanterna Paraná, pela 32ª rodada. Porém, como centroavante vive de gol, se a seca permanecer, a rotatividade deve continuar.

Veja abaixo os números dos quatro centroavantes na temporada:



Léo Ceará – 11 jogos e 2 gols

André Lima – 35 jogos e 9 gols

Walter Bou – 8 jogos e nenhum gol

Maurício Cordeiro – 3 jogos e 1 gol

31ª rodada: Atualização das chances de rebaixamento da dupla BA-VI

Deixe seu comentário

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. 메이저놀이터
  2. mengenal idn play

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*