Não tomar gol é a meta do Vitória contra o Internacional, diz zagueiro

Fotos: Mauricia da Matta / EC Vitória

O Esporte Clube Vitória tem uma tarefa dura no Domingo, outra, digo. Encara o Internacional no Estádio Beira-Rio, local onde o time gaúcho tem sido praticamente imbatível precisando vencer para correr o risco de retornar a zona de rebaixamento faltando apenas 12 jogos para o final da competição. Para o jogo, técnico Paulo César Carpegiani terá os retornos de Jeferson e Rodrigo Andrade, que estiveram ausentes na derrota para o Botafogo por 4 x 3.

Nesta quinta-feira, antes do treinamento, o zagueiro Ramon, faltou o jogo no Rio Grande do Sul garante que o Vitória precisa jogar no Beira-Rio do mesmo jeito que atua no Barradão. O jogador falou também da situação difícil do clube bem próximo à zona de rebaixamento e por isto reiterou a necessidade de somar pontos.

“A gente tem que fazer o que vinha fazendo. Tivemos uma sequência muito boa, conseguiu fazer uma defesa muito sólida. O fator principal para ganhar o jogo é não tomar gol. Vi uma entrevista que um treinador falou que se você não tomar gol, sai pelo menos com um ponto. Temos que fazer a parte defensiva muito sólida”

Veja a entrevista



Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*