Flamengo enfrenta o Bahia sem Dourado e Diego e com técnico pressionado

Mauricio Barbieri dificilmente continuará se nâo vencer o Bahia

Apesar de está bem no Campeonato Brasileiro da Série A, onde até liderou por diversas rodadas antes do recesso para a Copa do Mundo, o Clube de Regata do Flamengo, adversário do Bahia no próximo sábado, não vive um bom momento no contexto geral.

Despachado pelo Botafogo no Campeonato Carioca, fora da Libertadores após fracassar contra o Cruzeiro e ontem à noite, foi a vez de dá adeus a Copa do Brasil ao perder por 2 x 1 para o Corinthians em São Paulo depois de empatar em 0 x 0 no Rio de Janeiro. Resta apenas ao time carioca o Campeonato Brasileiro onde é o quarto colocado, três pontos abaixo o líder, o São Paulo. Considerando os investimentos, o afamado clube carioca de maior torcida do Brasil tem um desempenho está bem abaixo daquele esperado.

Somente com o atacante Vitinho que veio do CSKA, da Rússia, o Mengão desembolsou cerca R$ 44,6 milhões, considerada a segunda maior da história do futebol brasileiro. Os valores envolvidos na transação do jogador de 24 anos, que hoje é reserva do Flamengo só perde em números para Carlitos Tévez que veio do Boca Juniors-AR para o Corinthians, em 2005. Na época, o time paulista desembolsou R$ 60,5 milhões pelo jogador.



Para enfrentar o Bahia no sábado, o time carioca treinou hoje à tarde no centro de treinamento do Palmeiras. O time tem duas dúvidas para enfrentar o Bahia e um desfalque certo por suspensão.

O meia Diego, que deixou o duelo contra o Corinthians machucado será ainda avaliado, porém, segundo a imprensa carioca dificilmente ganhará condições de jogo. Vitinho deve assumir o posto.

Já o goleiro Diego Alves se queixou de dores musculares, ainda aguarda avaliação do departamento médico do clube, e assim, sua participação ainda é incerta. Quem está fora da partida é Henrique Dourado, porém, por suspensão. Lincoln aparece com o substituto natural. Na impossibilidade da participação do Goleiro Diego Alves, César assume o posto. De acordo segmentos importantes dos jornais carioca, o técnico Mauricio Barbieri dificilmente continuará no comando do técnico caso não derrote o Bahia às 21h no próximo sábado na Arena Fonte Nova

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*