Grêmio terá que pagar 63,3 mil dólares por danos ao estádio do Lanús

De acordo a notificação publicada nesta segunda-feira no site oficial da Conmebol, o Grêmio foi condenado a indenizar o Lanús em cerca de R$ 247 mil (equivalente a 63,3 mil dólares na cotação atual) por danos materiais no estádio Nestor Díaz Perez, na grande Buenos Aires, na final da Libertadores de 2017. No entanto, o ato ainda cabe recurso.

Lanús e Grêmio se enfrentaram no estádio Ciudad de Lanús em 29 de novembro. O time gaúcho fez 2 a 1 e confirmou o título depois de fazer 1 a 0 em Porto Alegre.



À época, o Lanús reclamou de depredações no setor visitante do estádio. A Conmebol foi acionada e somente agora o Tribunal Disciplinar da entidade tomou a decisão de exigir indenização por danos materiais. De acordo com a circular divulgada, o valor será debitado da cota de direitos de transmissão e patrocínio e transferido diretamente ao clube argentino. O Grêmio já iniciou processo de apelação.

Meia hexa campeão baiano pelo Vitória se destaca no futebol japonês

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*