Com quase R$ 5 milhões, Bahia foi quem mais faturou na Copa do Nordeste

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

A Copa do Nordeste teve seu ponto final neste sábado (07) com o merecidíssmo título inédito do Sampaio Corrêa que jogou com o regulamento debaixo do braço e calou 45 mil tricolores na Arena Fonte Nova ao segurar um empate sem gols e, amparado pelo triunfo por 1 a 0 em São Luís do Maranhão, conquistou a glória mais importante do futebol maranhense e também do treinador Roberto Fonseca que deu um nó tático no inofensivo e desorganizado Bahia do técnico Enderson Moreira.

Além da cobiçada taça da ‘Lampions League’, o Sampaio Corrêa recebeu ainda no gramado da Arena Fonte Nova um cheque simbolizando a premiação oficial do campeão, no valor de R$ 1,5 milhão. A quantia, somada aos prêmios pelo avanço nas fases anteriores, chegou a um total de R$ 3,35 milhões (fora a renda de bilheteria), maior o que o recebido pelo Bahia em 2017 quando sagrou-se campeão em cima do Sport e ganhou R$ 2,85 milhões.

O Esporte Clube Bahia, por sua vez, embolsou esse ano um total de R$ 2,6 milhões com premiações da Copa do Nordeste, no entanto, somando as cotas de participação à receita com bilheteria, o Esquadrão foi quem mais faturou no torneio. Somente na final deste sábado, foram R$ 1,6 milhão e 45 mil torcedores. No total, o Tricolor lucrou 4,9 milhões contra 3,3 milhões do clube maranhense.

VEJA O FATURAMENTO DE SAMPAIO E BAHIA



Sampaio Corrêa (campeão)
Público: 30.780 pessoas em 6 jogos (média: 5.130)
Renda bruta: R$ 307.091
Cota: R$ 3,35 milhões
Total: R$ 3.657.091

Bahia (vice-campeão)
Público: 92.981 pessoas em 6 jogos (média: 15.496)
Renda bruta: R$ 2.306.045
Cota: R$ 2,6 milhões
Total: R$ 4.906.045

Cotas de todos os clubes:

R$ 3,35 milhões(campeão) – Sampaio Corrêa
R$ 2,60 milhões (vice) – Bahia
R$ 2,00 milhões (semifinal) – Ceará
R$ 1,85 milhão (semifinal) – ABC
R$ 1,45 milhão (quartas) – Santa Cruz e Vitória
R$ 1,30 milhão (quartas) – Botafogo-PB e CRB
R$ 775 mil (grupo) – Altos, Confiança, Ferroviário e Salgueiro
R$ 750 mil (grupo) – CSA, Globo, Náutico e Treze
R$ 250 mil (preliminar) – Cordino, Itabaiana, Fluminense de Feira e Parnahyba

Especulado no Bahia, argentino vai jogar no Vitória, garante Jornal “Olé”

Deixe seu comentário