Bahia perde zagueiro e meia titulares para o jogo com o Atlético Mineiro

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Esporte Clube Bahia entrou em campo neste domingo diante de muita pressão e cobrança por parte da torcida, inclusive após a confusão no aeroporto com membros de organizada, mas conseguiu tirar o peso das costas e lavou a alma vencendo o Vitória por 4 a 1, diante de 24 mil tricolores na Arena Fonte Nova, com gols de Zé Rafael, Vinícius, Tiago e Gilberto. Resultado que tirou a equipe da zona de rebaixamento e colocou na 13ª colocação, com 16 pontos.

O próximo compromisso do Bahia é na próxima quarta-feira (25), contra o Atlético Cerro do Uruguai, às 21h45, no Estádio de Pituaçu, pelo jogo de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana. Depois disso, volta a jogar pelo Brasileirão quando enfrenta o Atlético Mineiro na próxima segunda-feira (30), às 20h, na Arena Fonte Nova. Para esse confronto, o Esquadrão perdeu dois titulares.

O zagueiro Lucas Fonseca e o meia-atacante Zé Rafael receberam o terceiro cartão amarelo no BA-VI deste domingo e vão cumprir suspensão automática. Para a zaga, Douglas Grolli é o mais cotado para assumir a vaga. Já para o lugar de Zé Rafael, que tem 90% de frequência em campo desde que chegou ao clube, em janeiro de 2017, Enderson Moreira tem três opções: Allione, Marco Antônio e Élber. Douglas, Gregore, Régis e Júnior Brumado estão pendurados com dois amarelos.



Enderson exalta triunfo do Bahia no BA-VI, avalia trabalho e destaca evolução

Deixe seu comentário