Chateado, Mancini alerta: “Chegou o momento de dar uma oxigenada”

Apesar de todo esforço, o Esporte Clube Vitória chegou ao fim de linha e deu adeus a Copa do Brasil. Atuando hoje à noite na Arena Corinthians, o Leão acabou sendo derrotado pelo placar de 3 x 1, um escore que retrata o que foi o jogo em todos os seus 90 minutos, com grande superioridade do clube paulista e alguns lampejos do rubro-negro que chega ao quinto jogo sem triunfo e terceira derrota consecutiva.

Classificação fundamental para o Corinthians antes de um dérbi contra o Palmeiras, domingo, também em Itaquera. O Timão vinha de duas derrotas (Atlético-MG e Independiente) e dois empates (Vitória e Ceará), na pior série do time de Fábio Carille no ano. O Vitória, por sua vez, chega a terceira derrota consecutiva e quinto jogo sem vencer (4 derrotas e 1 empate) e a pressão aumenta para cima do técnico Vagner Mancini.

Após o jogo, o técnico Vagner Mancini admitiu chateação com a eliminação, mas destacou que era difícil alterar a equipe hoje (10), além disso, alertou que a partir do próximo jogo muita coisa pode mudar. Segundo o treinador, “chegou o momento de dar uma oxigenada”. Veja abaixo:



“Seria muito difícil que a gente alterasse equipe de hoje porque fizemos bom jogo em Salvador. Essa é a equipe que eu tenho mais maturada. Mas, agora, a partir de domingo, temos outros atletas que podem entrar. Viemos com essa estratégia de colocar dificuldade. Não só o Guilherme, mas outros atletas podem entrar sim. Chegou o momento de dar uma oxigenada na equipe. Têm alguns atletas que caíram muito de rendimento, e a gente está atento a isso. Para esse jogo, a gente tinha que adotar um sistema de jogo e formação com o que eu tinha de mais maturado. A partir de agora vamos repensar série de coisas […] 

“A gente sai chateado porque eu esperava que a gente pudesse oferecer um pouco mais de dificuldade ao Corinthians. No primeiro jogo, em Salvador, foi muito bom, a equipe cumpriu à risca o que determinamos como estratégia. Hoje também entramos bem e acabamos levando um gol de lateral, que foi determinante e eu fiz uma alteração no intervalo. A equipe até que voltou bem para a segunda etapa, e enquanto incomodava acabou levando o segundo gol e, em seguida, o terceiro. Isso acabou mostrando certa fragilidade defensiva. Não estou direcionando a ninguém, mas a um setor onde a gente está sendo um pouco ineficiente, e a gente tem que corrigir isso”, disse o treinador.

O Esporte Clube Vitória não retorna para Salvador, o elenco de São Paulo embarca para o Rio de Janeiro nesta sexta-feira e logo inicia os preparativos para o confronto agora pelo Campeonato Brasileiro contra o Vasco da Gama, em jogo agendado para acontecer no próximo domingo (13), às 16h, no Estádio de Januário.

Assista todos os lances de Corinthians 3 x 1 Vitória pela Copa do Brasil

Deixe seu comentário