Em nota, Bahia se solidariza com a família do torcedor assassinado

Torcedor do Bahia foi baleado minutos antes do BA-VI

A diretoria do Esporte Clube Bahia através nota de pesar divulgada no seu site oficial, manifestou solidariedade à família e aos familiares de Antonio Marcos Sadela, integrante e diretor da torcida organizada Bamor, que faleceu na noite desta sexta-feira (13), vítima do atentado realizado na sede do grupo no último domingo (8).

Sadela faleceu aos 48 anos, 26 deles dedicados à Bamor, onde era considerado exemplo de paixão e sobretudo conduta. Responsável pelos materiais da torcida, não possuía histórico de briga nos estádios.

Trabalhava como auxiliar de portaria há 19 anos no mesmo condomínio, além de DJ “nas horas vagas”. Com atuação na rádio da sua comunidade, tinha o hobby de mixar músicas e colecionar discos de vinil.

O Bahia enviou representante ao enterro, na tarde deste sábado (14), e reforça seu posicionamento contra os episódios de violência entre torcidas, sempre em busca da paz dentro ou fora das arquibancadas, finaliza a nota

Deixe seu comentário