Bahia se inspira na Roma para se manter vivo na Copa do Brasil Sub-20

Foto: Felipe Oliveira

O time sub-20 do Bahia terá uma dura missão nesta quarta-feira pela Copa do Brasil Sub-20. Precisará vencer por quatro gols de diferença para reverter a vantagem diante do Palmeiras e seguir vivo na competição de base. No jogo de ida, em Pituaçu, o Verdão venceu por 3 a 0. Se repetir a mesma diferença de gols, a decisão vai para os pênaltis. O duelo decisivo acontece nesta quarta (18), às 15h, no Estádio Novelli Júnior, na cidade de Itu.

Para conseguir tal feito, o Bahia se inspira na Roma, que recentemente eliminou o Barcelona da Liga dos Campeões, vencendo por 3 a 0 após sofrer 4 a 1 no jogo de ida. Para o meia Felipinho, um dos destaques do time, a missão é difícil, porém, jamais impossível.

“Dá para reverter. Será muito difícil, o Palmeiras é uma equipe muito qualificada, mas vimos recentemente exemplos de que é possível, a Roma contra o Barcelona, a Juventus quase conseguiu contra o Real Madrid, temos que ter a mentalidade de que é possível. A gente precisa do resultado, mas não dá para sair todo desorganizado e tomar mais gols, o equilíbrio será essencial nessa partida. Acredito no nosso grupo e sei que podemos reverter essa situação”, alertou.

O Esquadrãozinho chega com uma motivação extra. No último domingo (15), bateu o Vitória por 1 a 0, no estádio do Barradão, pela quarta rodada do Campeonato Baiano da categoria. “Tivemos um Ba-Vi antes de viajar para São Paulo que saímos vitoriosos, isso deu mais confiança para a equipe para a partida contra o Palmeiras”, finalizou Felipinho.

Também inspirado no triunfo da Roma contra o Barcelona, o treinador Pablo Fernandez acredita na classificação.

“Recentemente a gente tem mostras de que várias equipes reverteram placares quase impossíveis. Sabemos das dificuldades, mas a gente vai buscar o triunfo, para depois a diferença de gols. Eu acho que isso é o mais importante. Ninguém imaginava que a Roma remontaria um placar tão adverso em cima do Barcelona, então sim, existe a possibilidade. Precisamos ser bem agressivos com ou sem a bola”, disse em entrevista ao Programa do Esquadrão.

Deixe seu comentário

1 Trackback / Pingback

  1. 토토사이트

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*